jogos olímpicos

Após adiamento por coronavírus, Tóquio define nova data de Olimpíada

Evento foi adiado por conta das consequências do coronavírus no mundo. Nova data dos Jogos Olímpico terá abertura no dia 23 de julho e encerramento em 8 de agosto de 2021

Gabriela Máxima
Cadastrado por
Gabriela Máxima
Publicado em 30/03/2020 às 9:28 | Atualizado em 30/03/2020 às 13:04
Leitura:

Os Jogos Olímpicos de Tóquio já têm nova data. Sete dias depois do adiamento por conta do coronavírus, o maior evento esportivo do Planeta ganha nova data e será realizado entre os dias 23 de julho e 8 de agosto de 2021, praticamente o mesmo período que estava marcado para 2020 - estava marcado para acontecer entre os dias 24 de julho e 9 de agosto. O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou o adiamento na última terça-feira depois de receber muita pressão por parte de atletas e federações esportivas. Os Jogos Paralímpicos vão acontecer entre os dias 24 de agosto e 5 de setembro. 

O principal argumento das entidades foi justamente a série de consequências da pandemia do coronavírus. Tornou-se inviável garantir o alto rendimento dos competidores no período do evento, além do elevado risco à saúde de atletas, funcionários, comissões técnicas, delegações, voluntários e milhares de turistas que assistiriam aos Jogos no Japão.

>> Atletas que já conquistaram vaga nos Jogos Olímpicos não a perderam por conta de adiamento

>> Prioridade do COI é definir nova data dos Jogos Olímpicos

>> Jogos Olímpicos terão início no dia 23 de julho de 2021

A decisão do novo calendário foi tomada após estudos e negociações entre o presidente do COI, o alemão Thomas Bach, e dirigentes das federações esportivas e de comitês nacionais. A nova data cumpre a promessa da entidade de que os Jogos de Tóquio-2020 seriam realizados até o verão de 2021 no hemisfério norte.

"Quero agradecer às Federações Internacionais pelo apoio unânime e às Associações Continentais dos Comitês Olímpicos Nacionais pela grande parceria e pelo apoio no processo de consulta nos últimos dias. Também gostaria de agradecer à Comissão de Atletas do COI, com quem mantemos contato constante. Com este anúncio, estou confiante de que, trabalhando em conjunto com o Comitê Organizador de Tóquio-2020, o Governo Metropolitano de Tóquio, o Governo Japonês e todas as nossas partes interessadas, podemos superar esse desafio sem precedentes. Atualmente, a humanidade se encontra em um túnel escuro. Estes Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 podem ser uma luz no fim deste túnel", disse Bach, em comunicado oficial.

Nesta segunda-feira em Tóquio, membros do Comitê Executivo do COI e do Comitê Organizador realizaram o primeiro encontro desde que os Jogos Olímpicos foram adiados na terça passada. Em uma primeira entrevista com os jornalistas após a reunião, as novas datas não foram confirmadas. Pouco tempo depois, porém, uma nova coletiva foi convocada às pressas para comunicar o anúncio oficial.

"O calendário dos Jogos é a chave para a preparação dos atletas. Isso vai acelerar o nosso progresso", disse Yoshiro Mori, presidente do Comitê Organizador, na entrevista coletiva desta segunda-feira. "Nós queríamos ter mais espaço (datas) para a qualificação dos atletas".

Comentários

Últimas notícias