fórmula 1

Fórmula 1 retorna com restrições e Hamilton garante: "animado por estar de volta"

Treinos livres do GP da Áustria serão realizados nesta sexta-feira. Hamilton postou em suas redes sociais que está feliz com retorno à Fórmula 1

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 03/07/2020 às 6:49
Notícia
REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Pentacampeão disse estar feliz em voltar à Fórmula 1 - FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Leitura:

A Fórmula 1 tem seu primeiro dia oficial da temporada de 2020 nesta sexta-feira, com os treinos livres do GP da Áustria, das 6h às 10h (de Brasília), no circuito de Spielberg. Nos próximos dias a categoria vai testar as novas medidas do "novo normal", com adaptações e diversas restrições, para encarar uma "maratona" de oito corridas nos próximos 10 finais de semana. Não haverá público em treinos e provas.

O hexacampeão Lewis Hamilton postou em suas redes sociais uma foto circuito da Áustria e disse que está feliz em voltar à Fórmula 1. "Animado por estar de volta. Vamos em frente", disse o piloto britânico, que aparece com uma camisa de combate à luta antirracista: "fim do racismo", diz frase na roupa. 

Por conta da pandemia do novo coronavírus, equipes e pilotos já sabem que enfrentarão obstáculos em suas funções, mais limitadas e cheias de cuidados sanitários. Como acontece em outras modalidades esportivas, o uso de máscaras e de álcool em gel serão obrigação constante.

Restrições nas equipes

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) exigiu que todos os funcionários das equipes assinassem o seu Código de Conduta. Pelas regras, eles não poderão ter contato com pessoal de outros times. Para os que têm acesso a paddock e pit lane, todos terão que ter exame negativo para covid-19. E serão submetidos a novos testes a cada cinco dias.

 

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Hamilton disse que está feliz em voltar à Fórmula 1 - FOTO:REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias