É DECISÃO

No duelo mais decisivo diante do Vila Nova, Santa Cruz busca vitória para encaminhar classificação

Santa Cruz enfrenta o Vila Nova no próximo sábado, às 17h

Lucas Holanda
Lucas Holanda
Publicado em 05/01/2021 às 13:38
Notícia

BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Tricolor quer vencer para encaminhar classificação para a Série B - FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

O Santa Cruz jogou três vezes contra o Vila Nova nesta edição da Série C. Foi derrotado em duas ocasiões e ganhou uma. Ou seja, o rival goiano é um time encardido, chato de ser batido, e também é a equipe que mais venceu a Cobra Coral na competição e na temporada. E, curiosamente, é o adversário do Tricolor na próxima rodada do quadrangular, em um jogo que vale muito para as pretensões corais para subir de divisão. Portanto, a palavra no Arruda é decisão. Mesmo o jogo sendo no sábado, às 17h, o clima decisivo já está na cabeça de todo torcedor do Santa Cruz, que vem fazendo contas para conquistar o acesso à Série B.

Lembra como foram os duelos envolvendo Santa Cruz e Vila Nova? O primeiro deles aconteceu no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, justamente o palco do embate do próximo sábado. Na ocasião, o Tricolor, que ainda era comandado por Itamar Schulle, foi derrotado por 1x0, com um golaço do meia argentino Emanuel Biancucchi. No segundo duelo entre os times, também na primeira fase, a Cobra Coral venceu o Vila Nova por 2x0 e sendo senhor do jogo. Os gols dos corais foram marcados por Lourenço e Chiquinho. O terceiro duelo entre os times foi na segunda rodada do quadrangular, novamente no Arruda. Desta vez, o Tricolor não entrou com espírito de decisão e foi derrotado por 2x1. Victor Rangel fez o tento coral, enquanto Henan e Raphael Lucas marcaram para o Vila Nova.

É DECISÃO

No entanto, mesmo com o Vila Nova tendo vantagem nos confrontos contra o Santa Cruz até aqui, é notório que o duelo mais decisivo é o deste sábado. Por conta disso, o Tricolor quer passar uma borracha no empate de 1x1 com o Ituano na última rodada, onde a Cobra Coral teve boas chances de sair vitoriosa, mas a expulsão do volante Bileu comprometeu, o time caiu de rendimento e tomou o empate no segundo tempo. Portanto, o discurso no Arruda é de confiança na equipe para reverter o resultado, como explicou o presidente Constantino Júnior em entrevista para Ralph de Carvalho, da Rádio Jornal.

"O grupo está muito embolado, houve uma crescente técnica. Temos totais condições de buscar esse resultado lá fora, vamos fazer uma boa semana. Sei da força do nosso grupo. Vamos trabalhar bem para a gente fazer um bom resultado lá em Goiânia e trazer para sacramentarmos a classificação no Arruda diante do Brusque. Esse é o nosso pensamento, com muito trabalho, humildade e pés no chão, mas sabedores que a gente pode buscar um resultado diante do Vila Nova, em Goiânia", afirmou o mandatário coral.

Com cinco pontos ganhos, o Santa Cruz é o terceiro do grupo. Se vencer o Vila Nova, vai aos 8 pontos e encaminha sua classificação, precisando apenas de um empate diante do Brusque na última rodada para conquistar o acesso à Série B. Já o Vila Nova é o lanterna do grupo, tendo conquistado apenas quatro pontos. Portanto, é um jogo de sobrevivência para o time goiano seguir vivo na luta para conseguir uma vaga na Segunda Divisão.

Comentários

Últimas notícias