TUDO IGUAL

Central e Santa Cruz ficam no empate em jogo válido pela 2ª rodada do Pernambucano

As equipes estrearam com resultados opostos no campeonato e acabaram ficando no empate na segunda rodada

Carolina Fonsêca
Carolina Fonsêca
Publicado em 03/03/2021 às 18:20
Notícia

ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Para este jogo, o técnico João Brigatti poupou alguns atletas da equipe considerada titular. - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

Depois de estrear no Pernambucano com resultados opostos, Central e Santa Cruz se encontraram no estádio Lacerdão, em Caruaru, na tarde desta quarta-feira (3), para abrir a 2ª rodada do campeonato. A Patativa e a Cobra Coral fizeram um jogo bastante disputado e ficaram no empate por 1x1, com gols de Eduardo para o lado tricolor e Júnior Lemos, de pênalti, para o lado alvinegro.

O técnico do Santa, João Brigatti, aproveitou a partida para dar novas oportunidades a jogadores oriundos da base. A equipe poupou Paulinho, Didira, Chiquinho e Pipico, que não chegaram nem a viajar para Caruaru.

Pelo lado do Central, a novidade ficou por conta da chegada de um novo treinador e algumas mudanças no elenco. Pedro Manta é o novo comandante, mas ele assistiu o jogo das cadeiras do estádio, cumprindo suspensão por ter sido expulso na última partida do Afogados no Estadual do ano passado. Catende, então, comandou a Patativa mais uma vez.

O Santa começou a rodada em 3º lugar, com três pontos, depois de derrotar o Vitória das Tabocas por 2x0 na estreia, enquanto o Central ocupava a lanterna, devido a derrota por 5x0 para o Náutico na primeira rodada.

O jogo

Central e Santa Cruz fizeram um início de jogo morno em Caruaru e sem lances de perigo pelo menos durante os 10 minutos iniciais. Visitante no Lacerdão, a Cobra Coral foi aos poucos despertando, explorando o seu lado direito de ataque e, aos 11 minutos, conseguiu uma boa chance com João Cardoso. A bola foi lançada para o jogador, na entrada da pequena área, mas ele acabou cabeceando para fora.

A partida seguiu com mais posse de bola para os tricolores, que conseguiam trocar muitos passes, explorando essa vantagem com certa tranquilidade. No entanto, a equipe do Santa falhou diversas vezes na etapa final da criação das jogadas, desperdiçando boas chances de levar perigo ao gol do Central.

A Patativa por sua vez, ressabiada da goleada de 5x0 que sofreu do Náutico na estreia do campeonato, demonstrou ter tirado lições da estreia. O Central chegou para o jogo mais ligado e organizado, mas ainda parando na própria limitação técnica.

Neste cenário, quem primeiro conseguiu balançar as redes foi o Santa Cruz. Aos 23, o lateral-esquerdo Eduardo tentou fazer um cruzamento para a área, mas acertou direto no gol de Murilo, que ficou só olhando a bola passar. Este foi o primeiro gol de Eduardo como profissional no Santa Cruz. A partida foi para o intervalo com vitória parcial do Tricolor do Arruda, por 1x0.

O Central precisava ser menos passivo para tentar mudar a história do jogo e voltou para o segundo tempo disposto a fazer isso. Com mais chegada ao setor ofensivo, ensaiou uma pressão na equipe do Santa Cruz. Tanto que, aos 7 minutos, a Patativa tinha uma falta no campo de ataque, David cobrou para a área e a bola foi na mão de Célio Santos, que disputava a bola com as mãos abertas. Pênalti para o Central. Júnior Lemos cobrou e deixou tudo igual no Lacerdão.

Depois disso, a reação coral começou a tomar forma. Em uma tarde de muitas tentativas de deixar o seu gol, o atacante Léo Gaúcho chegou perto aos 14 minutos, quando cobrou falta, chutou forte, mas acabou carimbando a trave. Aos 28, Gaúcho tentou de novo, depois de receber cruzamento de Léo Gaúcho e pegar de voleio, mas mandou para fora. O jovem atacante ainda protagonizou mais um lance de perigo no jogo. Aos 52 minutos, ele recebeu cruzamento e cabeceou para baixo, mas Murilo fez uma grande defesa e mandou a bola para fora. A jogada foi também o último lance do jogo.

Ficha do jogo

Central: Murilo; Izael (David), Gleidson, Edu e Mateus Issa, Madson, Djair, Júnior Lemos, Jonatan e Dodô, Jean Moser (Palácios). Técnico: Catende.

Santa Cruz: Jordan; Willian Alves, Danny Morais e Célio Santos; Augusto Potiguar, Caetano, Ítalo Henrique, Eduardo e João Cardoso; Léo Gaúcho e Felipe Almeida. Técnico: João Brigatti.

Local: EstádioLuiz José de Lacerda, Caruaru.

Árbitro: José Woshington da Silva

Assistentes: Francisco Chaves Bezerra Junior eVictor Matheus de Lavor Paes Barreto.

Gols: Eduardo (Santa Cruz); Júnior Lemos (Central).

Cartões amarelos: William Alves (Santa Cruz); Junior Lemos (Central); Jonatan (Central); Djair (Central); Caetano (Santa Cru).

Cartões vermelhos: Gleidson (Central).

Comentários

Últimas notícias