Leão

Presidente do Sport apoia decisão do Estado e defende volta dos jogos com torcida

"Os estádios a céu aberto estariam mais seguros que qualquer shopping", destacou o presidente rubro-negro Milton Bivar

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 30/06/2020 às 23:04
Notícia
ANDERSON STEVENS/SPORT
Milton Bivar questiona estádios vazios - FOTO: ANDERSON STEVENS/SPORT
Leitura:

O presidente do Sport, Milton Bivar, aprovou a decisão do Governo de Pernambuco de não liberar no início deste mês de julho a realização dos jogos de futebol profissional. Na visão dele, o ideal é que as partidas sejam realizadas somente a partir do próximo dia 15. O mandatário rubro-negro explicou que acredita que o Leão e os demais clubes estarão em condições de disputar os confrontos após três meses de inatividade. Ele ainda ressaltou que não enxerga problema na retomada dos duelos no esporte com a presença de público.

"Está indo para o caminho certo. Acho que a data correta é a volta em torno do dia 15. Assim, fica muito perto de um mês de treinamento e chega no tempo ideal para não prejudicar o elenco. No aspecto técnico e físico, acho que essa data que eu falei é a melhor", afirmou o presidente, em entrevista ao Jornal do Commercio e Blog do Torcedor. "Uma hora iremos precisar enfrentar isso. E acredito que está na hora. O Brasil e o mundo não pode passar o resto do tempo enclausurado", acrescentou.

LEIA MAIS

Fluminense nega, em nota oficial, interesse no volante Rithely, do Sport

Sport vai lançar aplicativo com produções audiovisuais para o torcedor

Futebol não tem data para recomeçar em Pernambuco

Atacante do Sport aprova testes períodos da covid-19 durante preparação

Milton Bivar defende que a torcida pode voltar a frequentar os estádios de futebol desde que cumpridos várias medidas de prevenção contra a covid-19. Entre elas, reduzir em 70% a quantidade de torcedores presentes nos estádios. Dentro desse cenário, o presidente do Sport ainda disse que arquibancadas serão locais mais seguros que os shoppings, que recentemente foram liberados a receber o público seguindo uma série de normas.

"Há dois meses, soltei a ideia dos jogos voltarem com torcida tomando todas as precauções. Quais? Distanciamento, uso da máscara, uso do álcool na entrada e saída, medição de temperatura na entrada. Um longo protocolo para que a torcida possa volta. Nos estádios, por exemplo, utilização apenas de 30% da capacidade para que se possa colocar em prática o distanciamento", declarou.

"Dessa maneira, os estádios a céu aberto estariam mais seguros que qualquer shopping. Porque shopping pode ter público e o futebol não?", reiterou.

Parceria

Outro ponto também destacado pelo mandatário rubro-negro é que poderia ser solicitado que cada torcedor realizasse o teste da covid-19. Segundo Bivar, dessa maneira, o Estado poderia ter mais informações para monitorar a situação da doença. Isso porque os exames precisarem ser feitos em laboratórios credenciados.

"Nessa ideia, todo mundo teria que apresentar também os testes negativos. Isso ajudaria até a Secretaria de Saúde. Poderia credenciar os laboratórios e eles forneceriam os dados ao Estado. Certeza que rapidamente teríamos milhares de dados e um banco de informação muito grande. Isso para já colocar em prática rapidamente. Porque muito coisa depende dos clubes. Faz duas reuniões com Federação, clubes, Estado... Isso está montado", concluiu.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias