Leão

Sport obtém rápida reação em um mês com Jair Ventura

Sport tem 61,9% de aproveitamento com o técnico Jair Ventura no Brasileirão

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 25/09/2020 às 7:32
Notícia

ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Sport venceu quatro jogos, empatou um e perdeu dois com Jair Ventura no comando - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

O treinador Jair Ventura conseguiu dar uma resposta rápida dirigindo o Sport no Brasileirão. Nesta sexta-feira, ele completa um mês no comando do Leão e pode pensar em melhorar a equipe com mais tranquilidade. Isso porque o treinador pegou o clube na zona de rebaixamento e no momento está em sétimo, muito perto dos times que brigam por uma vaga na Libertadores.

Nesse período, somou 13 de 21 disputados e acumulou 61,9% de aproveitamento. Mesmo a 12ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro sendo concluída neste final de semana, o time rubro-negro não deve descolar do pelotão de frente na classificação.

LEIA MAIS

Thiago Neves diz que vai buscar título da Copa do Nordeste pelo Sport

Confira os bastidores da vitória do Sport em cima do Corinthians

> Jair Ventura avalia estreia de Thiago Neves: “Vai agregar muito ao elenco do Sport”

> Candidato da oposição do Sport se posiciona sobre disputa das eleições

> “A gente não tem um mês de clube e já viveu muita coisa”, diz Jair Ventura sobre trajetória no Sport

> Thiago Neves comemora estreia com vitória sobre o Corinthians: “O Leão tá on”

> Em ascensão, Lucas Mugni diz estar “confortável” no Sport

> Jogadores do Sport fazem homenagem ao volante Betinho em comemoração no vestiário

Depois da quarta vitória sob o comando do Sport, em cima do Corinthians, o próprio Jair Ventura não conseguiu esconder a satisfação com o resultado obtido no primeiro mês. Segundo o técnico, o desempenho só foi possível porque os atletas abraçaram a ideia dele. O que não seria possível se tivesse acontecido ao contrário, segundo ele.

“Tem muito campeonato ainda. Muita coisa para acontecer, mas eu fico feliz e a gente vê uma evolução mesmo que pequena pelo pouco tempo de trabalho. Eu ainda não completei um mês ainda desde que cheguei. Assinei dia 25, hoje (anteontem, quarta-feira) é dia 23. Não tenho ainda um mês de clube e já vivi muita coisa”, afirmou o comandante leonino, que ganhou mais de uma semana até o próximo jogo.

O Sport só entra em campo novamente no dia 4 de outubro. O adversário é o Bahia, fora de casa, no estádio Pituaçu, em Salvador. Cenário que o Leão na Era Jair Ventura está acostumado a enfrentar. Desses sete jogos com o treinador, quatro aconteceram longe de Pernambuco e o time conseguiu resultados surpreendentes. Os destaques foram a vitória em cima do Grêmio por 2x1, onde os rubro-negros abriram dois gols, além do empate arrancado diante do Palmeiras (2x2), depois de sair na frente, ter um atleta expulso e tomar a virada.

Comparando com o desempenho do ex-comandante Daniel Paulista na Série A, a evolução do Sport com Jair Ventura é grande. O aproveitamento saltou de 26,6% (4 pontos conquistados em 15) para 61,9%, claro, vale salientar, com dois jogos a mais. Dirigido pelo atual treinador, o Leão passou duas partidas sem sofrer gols e diminuiu o número total de tentos sofridos: 7 para 6. A resposta rápida da defesa surtiu efeito no pelotão de frente, pois o time dobrou o número de vezes que balançou a rede: 8x4. Importante salientar que o técnico antecessor disputou 2 partidas como visitante contra 4 de Jair.

Assim, não há como vislumbrar um futuro positivo para o Sport na Série A. Ainda mais porque a tendência é que o elenco receba mais reforços pontuais de peso. Sem falar na provável evolução do meia Thiago Neves. Contratado no fim da semana passada, o badalado atleta, de 35 anos, ainda precisa ganhar entrosamento com os companheiros, e com a sequência de jogos, aumentar a performance individual que tanto é conhecida dentro e fora do país.

Na estreia contra o Corinthians, quarta-feira, Thiago Neves se mostrou muito voluntarioso, participou da maioria das ações ofensivas do Sport na partida e teve até chance de marcar o primeiro gol com a camisa rubro-negra. Inclusive, o confronto também mostrou a ideia mais ousada de Jair Ventura, até o momento, no comando do Sport.

Aproveitando o polivalente meia Lucas Mugni, o técnico adotou o esquema tático com três meias próximos do centroavante Hernane Brocador. Dessa maneira, Thiago e Jonatan Gomez revezaram as respectivas chegadas pelos lados. Com a saída de Barcia para o Goiás e falta de opções, essa é uma das prioridades do Leão em busca de reforços para o Brasileirão.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias