ELEIÇÕES NO SPORT

Ex-presidente do Sport, Homero Lacerda nega convite para encabeçar futebol na chapa de Delmiro Gouveia

Homero Lacerda afirmou que não aceita o cargo sob 'nenhuma hipótese'. Ex-presidente também disse que não disponibiliza o nome dele

Lucas Holanda
Lucas Holanda
Publicado em 17/02/2021 às 14:18
Notícia

ACERVO/BLOG DO TORCEDOR
Homero Lacerda foi presidente do Sport no título do Campeonato Brasileiro de 1987 - FOTO: ACERVO/BLOG DO TORCEDOR
Leitura:

O ex-presidente do Sport Homero Lacerda negou que será o homem forte do futebol do Leão caso o candidato Delmiro Gouveia seja eleito presidente do Leão nas eleições marcadas para o dia 5 de março. Em rápido contato com a reportagem do Jornal do Commercio, Homero explicou que recebeu o convite de Delmiro, mas que não aceitou. Ainda de acordo com o ex-presidente, ele 'não disponibiliza o nome dele' e também não vai assumir cargo nas chapas que vão disputar o pleito leonino.

"Não, sob nenhuma hipótese. Não disponibilizo meu nome e não assumo cargo nenhum. Foi um convite só. Ele me convidou insistentemente e eu me reservei ao direito de pensar e dizer que não. Fico honrado com o convite mas não aceito", afirmou Homero Lacerda. A chapa de Delmiro Gouveia tem o apoio do ex-presidente Luciano Bivar, que já esteve ao lado de Homero durante várias vezes na história do Rubro-Negro. Ao ser questionado se Bivar o procurou para convidá-lo a fazer parte do futebol da chapa, Lacerda negou a procura, destacando que foi um convite feito apenas pelo advogado e candidato Delmiro Gouveia.

Sobre o momento de efervescência política do Sport, Homero Lacerda afirmou que é algo importante, onde os candidatos devem debater ideias e propostas para o futuro do clube. Sobre composições e cargos em outras chapas, o ex-mandatário leonino afirmou que essa hipótese está descartada. Além disso, fez elogios aos candidatos à presidência do Leão, afirmando que o clube está bem atendido no quesito. No entanto, o ex-presidente também fez críticas ao adiamento do pleito rubro-negro, que inicialmente estava marcado para o dia 18 de dezembro, mas o Conselho Deliberativo aprovou que as eleições fossem realizadas após o término da Série A, previsto para o dia 25 de fevereiro. Agora, o bate-chapa do Leão está marcado para o dia 5 de março.

"Foi um absurdo. Rasgaram o estatuto do Sport. Não se adia as eleições, isso é estatuário. O pessoal que ficou nesse intervalo não estava credenciado. Foi um mandato ilegal na minha opinião", finalizou Homero Lacerda.

Homero Lacerda foi presidente do Sport uma única vez: no biênio 1987-1988. Foi campeão brasileiro de 1987 e campeão pernambucano de 1988. Depois que saiu da presidência, foi diretor em várias gestões ao longo dos anos. Sua última participação aconteceu quando foi presidente do Conselho Deliberativo da chapa do ex-presidente Arnaldo Barros. No entanto, renunciou o cargo por discordar de algumas atitudes do então presidente.

Comentários

Últimas notícias