Patrocinada

Unicap celebra 50 anos da graduação de Engenharia Civil

Para marcar a data, Universidade Católica de Pernambuco lançará livro especial em dezembro

JC360
JC360
Publicado em 31/10/2020 às 7:00
Patrocinada
LUISI MARQUES/JC360
Atualização constante e formação voltada para o mercado são destaques do curso, diz coordenadora Marta Rolim - FOTO: LUISI MARQUES/JC360
Leitura:

Buscar uma instituição de ensino que projetasse melhor sua carreira dentro do mercado de trabalho. Este foi o objetivo do engenheiro civil Alexsandro Silva, 46 anos, ao ingressar em Engenharia Civil na Universidade Católica de Pernambuco (Unicap). Na época, em 2008, o estudante era técnico em Edificações e atuava com projetos de construção civil há 15 anos, mas sentia a necessidade de se qualificar ainda mais para conseguir maior destaque na profissão.

“A graduação me tirou um pouco da zona de conforto, porque antes eu via apenas uma parte e, com o curso, passei a observar o todo. Com isso, pude entender melhor todos os conceitos e as dificuldades da minha área. Passei a ter também mais segurança na construção e aplicação de projetos”, reflete.

>> Pandemia exige novos métodos de professores do ensino superior público

>> Durante pandemia, professora de Itaquitinga abriu a própria casa para alunos sem internet

>> Na vanguarda tecnológica, Uninassau inova ensino superior

É com histórias de sucesso como a de Alexsandro que a Unicap comemora neste segundo semestre os 50 anos do curso de Engenharia Civil. Fundada em 1970, a graduação sempre teve como principal proposta preparar estudantes para o mercado de trabalho. “Sempre fomos referência em Pernambuco porque estamos sempre nos atualizando. Ano passado, por exemplo, modicamos mais uma vez nosso currículo acadêmico para atender às novas necessidades do mercado. Nossos professores também têm um papel importante neste processo, porque eles atuam na docência e na profissão. Isso ajuda a fortalecer nossa metodologia de ensino ativa, que se baseia na solução de projetos reais trazidos por eles. Com isso, formamos mais de 4,3 mil engenheiros civis durante essas cinco décadas”, celebra a coordenadora do curso, Marta Rolim.

>> Sucesso em aprovações no vestibular, Fernandinho Beltrão defende pacto pela educação

>> Suspensão de aulas durante pandemia impôs aos pais desafio de alfabetizar crianças em casa

>> Marista: Formação integral para um ensino de excelência

Para marcar a data, a universidade lançará um livro em dezembro que contará a trajetória dos 50 anos da graduação. A comemoração deverá ser virtual e contará com o tradicional corte de bolo.

Confira mais detalhes no vídeo abaixo:

 

Comentários

Últimas notícias