Nações Unidas

Grupo de k-pop BTS faz comovente discurso na Assembleia Geral da ONU 2021: "descobriremos novos caminhos"

Os artistas falaram aos chefes de Estado sobre o futuro das gerações

Julianna Valença
Cadastrado por
Julianna Valença
Publicado em 20/09/2021 às 12:03
POOL / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / GETTY IMAGES VIA AFP
BTS discursa da 76ª Assembleia Geral da ONU. - FOTO: POOL / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / GETTY IMAGES VIA AFP
Leitura:

O grupo de k-pop BTS discursou sobre o futuro das gerações na 76ª Assembleia Geral da ONU, nesta segunda-feira (20), em Nova York, Estados Unidos. O grupo, que já tinha participado do evento das Nações Unidas em 2018, estava acompanhado do presidente sul-coreano Moon Jae-in. "Se acreditarmos nas possibilidades e na esperança, mesmo quando o inesperado acontecer, não perderemos nosso caminho, descobriremos novos", declarou RM - um dos integrantes do grupo.

John Minchillo / POOL / AFP
BTS discursa na 76ª Assembleia Geral da ONU. - John Minchillo / POOL / AFP
POOL / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / GETTY IMAGES VIA AFP
BTS discursa na 76ª Assembleia Geral da ONU. - POOL / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / GETTY IMAGES VIA AFP
POOL / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / GETTY IMAGES VIA AFP
BTS discursa da 76ª Assembleia Geral da ONU. - POOL / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / GETTY IMAGES VIA AFP

Em seu discurso, o grupo abordou, através do relato de várias pessoas, temas sobre o enfrentamento da pandemia da covid-19 pelos jovens e a problemática das mudanças climáticas. Além, também, dos desafios desta geração.

"Tivemos a sensação invasiva de pavor de que nosso tempo no mundo é limitado. Acabamos de falar sobre as coisas que lamentamos e estremeço em pensar sobre o luto sobre a terra. Todos concordam que a mudança climática é um problema importante, mas falar sobre a melhor solução pode não ser fácil. É um tópico sobre o qual é difícil tirar conclusões," declarou J-Hope.

"Aprendi que há muitos jovens interessados em questões ambientais e que optam por ela como área de estudo. O futuro é um território inexplorado e é onde nós, mais do que ninguém, passaremos nosso tempo. E eles estão em busca de respostas”, refletiu RM.

Por fim, Jin completou: "Em vez de chamá-los de geração perdida, podemos chamá-los de geração acolhedora. Em vez de temer as mudanças, eles as abraçam"

 

Além do comovente discurso, o grupo também realizou uma apresentação para todos os chefes de Estado presentes no evento. Eles performaram a música "Permission to dance" em um vídeo previamente gravado, no qual aparecem no salão das Nações Unidas. No fim, a apresentação termina em meio às pessoas, na cidade de Nova York.

Acompanhe a cerimônia ao vivo 

 *Com informações do Portal Extra e UNICEF Argentina

Comentários

Últimas notícias