CATÓLICO

Fiéis e amigos celebram aniversário do Papa Francisco nesta sexta-feira (17)

Nascido em Buenos Aires, o argentino completa 85 anos na data

Julianna Valença
Julianna Valença
Publicado em 17/12/2021 às 10:44
Foto: AFP
Jorge Mario Bergoglio, mais conhecido pelo seu título religioso: "Papa Francisco". - FOTO: Foto: AFP
Leitura:

Nesta sexta-feira, 17 de dezembro, comemora-se o dia de nascimento de Jorge Mario Bergoglio, mais conhecido pelo seu título religioso: “Papa Francisco”. Nascido no bairro de Flores, em Buenos Aires, o argentino completa 85 anos na data. Como de costume, o católico dispensou comemorações de aniversário.

>> Papa Francisco recebe Homem-Aranha no Vaticano; veja imagens do encontro

>> Defesa do Papa Francisco a direitos civis de LGBTQI+ repercute entre casais pernambucanos

Considerado um Papa que costuma quebrar protocolos milenares do clero, as celebrações de seus aniversários também vão na contramão do que era feito pelos antecessores. Em seu primeiro ano como Papa, em 2013, Francisco comemorou o dia 17 de dezembro junto a um grupo de pessoas sem teto, em um café da manha. Em 2019, a comemoração foi com crianças do Dispensário Pediátrico de Santa Marta e com o Papa Emérito Bento XVI.

Assim como em 2020, não haverá a calorosa multidão que se tumultua em frente à sede do Vaticano prestando homenagens ao líder. As restrições acontecem devido à pandemia da covid-19. Para celebrar a vida de Francisco, o Vaticano fez um vídeo no qual crianças da periferia de Roma aparecem desejando felicitações a ele. Algumas exprimem o desejo de conhecê-lo e de brincarem juntos. 

 

Nas redes sociais, amigos e fiéis prestaram homenagens ao aniversário de Francisco. “Há um presente que ele não recusa: as nossas orações”, escreveu o Vaticano do Twitter.

 

História

Filho de imigrantes italianos, Jorge Mario é o mais velho de cinco irmãos. O argentino estudou no Colégio Salesiano dos Santos Anjos e formou-se em técnico de química. Em 1958, ele entrou para o noviciado da Companhia de Jesus no Seminário de Villa Devoto. No Chile, terminou seus estudos em Teologia e ordenou-se padre em 13 de dezembro de 1969, pouco antes de completar 33 anos.

O católico seguiu pela vida religiosa, até que em 2013 escolheu o nome "Francisco" e foi eleito Papa, em sucessão a Bento XVI. A humildade e preocupação com as dores sociais são um marco da liderança de Francisco.

Comentários

Últimas notícias