Plano de Contingenciamento Covid-19

Veja quais são os bairros do Recife com maior índice de isolamento social no combate ao coronavírus

A Prefeitura do Recife anunciou, nesta segunda-feira (24), o uso de tecnologia de geolocalização para ajudar no cumprimento das medidas de isolamento social com objetivo de combater o coronavírus

Mirella Araújo
Mirella Araújo
Publicado em 24/03/2020 às 17:42
Notícia
FILIPE JORDÃO/JC IMAGEM
Coletiva de imprensa da Prefeitura do Recife para divulgar novas medidas para diminuir a disseminação do Coronavírus. - FOTO: FILIPE JORDÃO/JC IMAGEM
Leitura:

Atualizada às 18h19

Com o uso da tecnologia de geolocalização indoor, a Prefeitura do Recife já conseguiu mapear os bairros da cidade que estão seguindo com mais rigor as recomendações de isolamento social para conter o avanço do novo coronavírus. De acordo com o monitoramento, que faz parte das novas ações do Plano Municipal de Contingenciamento Covid-19, realizado de 22 a 23 de de março, 10 bairros estão cumprindo o chamado “Índice de Isolamento”. O bairro de Paissandu, na Zona Oeste do Recife, lidera o ranking, com 67,42% do índice registrado só no domingo (22). Em seguida, com índices de mais de 60% de isolamento aparecem os bairros do Derby, Poço da Panela, Totó, Porto da Madeira, Cabanga, Guabiraba, Campo Grande, Várzea e Beberibe.

>> Para proteger funcionários do coronavírus, Justiça do Trabalho determina que Metrô do Recife libere catracas

Para acompanhar os casos e conter a propagação do vírus, a solução tecnológica será a partir da geolocalização de smartphones, que vai acompanhar de forma coletiva o isolamento social e gerar um índice de isolamento por bairro. O índice vai responder quais bairros estão respeitando a quarentena e quais ainda mantém um fluxo intenso de passantes. O prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), explicou que 700 mil celulares smartphones serão rastreados em tempo real. “O grande objetivo é que a gente possa diminuir a velocidade que esse vírus vem se disseminando. É importante que só os serviços essenciais funcionem”, declarou o gestor.

Em um segundo momento, a ferramenta - desenvolvida em parceria com a empresa recifense In Loco -, vai mapear também o trajeto das pessoas que estão infectadas, sob investigação ou com sintomas, com o intuito de impedir que a população transite pelos mesmo locais. Geraldo Julio informou que os dados pessoais não serão acessados, por ser uma ação direcionada para o coletivo.

>>Pernambuco tem cinco pessoas curadas do novo coronavírus

 A iniciativa vai permitir que a Prefeitura possa planejar e direcionar suas ações e concentrar os esforço de forma onde necessário, desde medidas educativas, através de notificação pela internet, uso de carro de som e fiscalização, quando for necessário. “Com esses dados vamos poder orientar melhor os carros de som, por exemplo. A Prefeitura tem hoje, em uma parceria com os vereadores, 20 carros de som que estão rodando a cidade, levando informação à população. Sabendo os bairros que estão descumprindo as medidas, nós vamos poder direcionar esses carros para essas regiões", afirmou o prefeito. 

"Esperamos que com esse aplicativo a gente possa monitorar ainda mais a cidade e garantir que as pessoas fiquem em casa, o que é fundamental neste momento. Quanto mais rápido esse vírus se espalhar pelo Brasil, mais difícil vai ser para o sistema de saúde atender a essa enorme demanda que pode ser gerada”, avaliou Geraldo Julio.

O uso de carro de som nas comunidades como parte da estratégia de conscientização da população. O recurso de comunicação que já está sendo utilizado, vai poder ser direcionado a partir dos dados de onde está a maior concentração de pessoas. Ao todo, quatro carros de som já estão circulando por dia, sete dias da semana, pelas ruas do município divulgando sobre a importância de ficar em casa e evitar aglomerações, atitude indispensável para combater a disseminação da doença. Bairros como Ibura, Jordão, Afogados, Córrego do Jenipapo, Vasco da Gama, Casa Amarela, Beberibe, Agua Fria e UR-11 já receberam a ação.

Casos de coronavírus em Pernambuco

 A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) divulgou, nessa segunda-feira (23), que subiu para 42 o número de casos confirmados do novo coronavírus em Pernambuco. Até o momento, não há nenhum óbito relacionado à covid-19 no Estado. Dos 42 infectados, 31 estão em isolamento domiciliar, oito estão internados (sete em hospital privado e um em hospital público) e cinco apresentaram cura clínica. No Brasil, são mais de 1.891 casos confirmados, de acordo com o boletim do Ministério da Saúde dessa segunda.

O que é coronavírus?

 Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção)
  • Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

Comentários

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias