Policiamento na quarentena

Rute Arruda
Rute Arruda
Publicado em 08/08/2020 às 6:00
Leitura:

Durante os dez dias de medidas mais rígidas nos municípios de Araripina e Ouricuri, Sertão de Pernambuco, haverá reforço de equipes da Secretaria de Defesa Social (SDS) do Estado com a Operação Quarentena para fiscalizar o cumprimento das ações. Serão 356 profissionais, entre policiais militares e bombeiros. O isolamento teve início ontem e segue até o dia 16.

Em Ouricuri, que já conta com barreiras sanitárias nos quatro pontos de saída da cidade desde a semana passada, haverá reforço de policiais em dois pontos de bloqueio, um na PE-122 e outro na BR-316. Além disso, duas equipes do Corpo de Bombeiros atuarão com policiais do 7° Batalhão e órgãos municipais.

Já em Araripina, serão dois pontos de bloqueio. Também haverá duas equipes dos Bombeiros para a fiscalização. No município, os policiais empregados são da 9ª Companhia Independente de Polícia Militar.

Segundo a prefeitura, a Agência de Trânsito de Araripina fechou as principais ruas do Centro de ontem. A ideia é que, pelos próximos quatro dias, a população seja alertada para a gravidade da covid-19. A prefeitura disse também que já houve diminuição do fluxo de pessoas nas ruas.

Até o próximo dia 16 só estão autorizados a funcionar os serviços considerados essenciais, como mercados, padarias e farmácias. A decisão do governo do Estado em decretar medidas mais rígidas nessas duas cidades foi tomada após um aumento no número de casos da covid-19.

De acordo com o ranking do Ministério Público de Pernambuco, a média de isolamento social em Araripina, que possui 844 casos confirmados, era 40,8%, e 38,4% em Ouricuri, com 295 infectados. As autoridades sanitárias consideram ideal entre 60% e 70%.

Comentários

Últimas notícias