serviço

Paulista reforça serviços do Cadastro Único e do Programa Bolsa Família nos CRAS

Atendimento ao público para programas e benefícios contemplados pelo CadÚnico ocorre em todas as seis unidades do CRAS do município

Bruna Oliveira
Bruna Oliveira
Publicado em 09/02/2021 às 19:20
Notícia

ANA NASCIMENTO/CCE
Para ter acesso a programas sociais, como o Bolsa Família, preciso estar inscrito no Cadastro Único - FOTO: ANA NASCIMENTO/CCE
Leitura:

O município de Paulista, na Região Metropolitana do Recife (RMR), reforçou os serviços do Cadastro Único (CadÚnico) nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e o atendimento ao público para programas e benefícios sociais, como o Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC). Assim, não há mais atendimento presencial para o serviço no Centro Administrativo.

As seis unidades do CRAS da cidade estão recebendo a população. Cada centro conta com um profissional habilitado para realizar o CadÚnico,  um conjunto de informações que identifica e caracteriza as famílias brasileiras de baixa renda. Essas informações são utilizadas pelo Governo Federal, pelos estados e pelos municípios. Devem se inscrever no serviço as famílias com renda de até meio salário mínimo por pessoa, ou com renda familiar total de até três salários mínimos.

Essa base de dados seleciona e a inclui famílias de baixa renda em programas e benefícios federais, que utilizam o Cadastro como base para seleção dos beneficiários. O Bolsa Família, o “Minha Casa, Minha Vida” (atual Programa Casa Verde e Amarela), a Carteira do Idoso, Benefício de Prestação Continuada são exemplos de programas inseridos no sistema.

Para realizar inscrição, é necessário apresentar documentos originais do Cadastro de Pessoa Física (CPF), carteira de identidade (RG), comprovante de residência, carteira de trabalho e certidão de casamento, todos originais. Os CRAS funcionam de segunda à quinta, das 8 às 12h.

De acordo com o município, a medida de colocar reforçar os serviços no CRAS tem como objetivo facilitar o acesso da população à assistência social, no qual são disponibilizados mais pontos de atendimento para que haja uma maior eficácia na prestação do serviço.

Veja os endereços de todas as unidades:

CRAS 1: Av. Dr. José Mariano, s/nº, Paratibe, no Clube da Santista. Bairros atendidos: Arthur Lundgren 1, Artur Lundgren 2, Paratibe e Jardim Velho.

CRAS 2: Av. Ministro Marcos B. Freire, nº 45, Jardim Paulista Baixo. Bairros atendidos: Jardim Baixo, Jardim Alto, Centro, Mirueira, Sítio Fragoso, Chã da Mangabeira, Vila Torres Galvão, Muribeca I, Muribeca II, Mata da Ronca.

CRAS 3: Rua Comendador Manoel Figueiroa, nº 57, em frente ao Hospital Nossa Senhora do Ó. Bairros atendidos: Janga, Beira Mar e Pau Amarelo.

CRAS 4: Rua 32, nº 671, Maranguape II. Bairros atendidos: Jaguarana, Alameda, Maranguape II e Riacho de Prata I e II.

CRAS 5: Rua Finlândia, nº 61 Qd. 2, Conceição. Bairros atendidos: Engenho Maranguape, Chega Mais, Nossa Senhora do Ó, Maria Farinha, Pau Amarelo, Conceição I e II.

CRAS 6: Rua 96, nº 220, Maranguape I. Bairros atendidos: Maranguape I, Jardim Maranguape, Nobre e Beira Mangue.

 

Comentários

Últimas notícias