CRIME

Operação da Polícia Civil mira suspeitos de roubo e clonagem de veículos em Pernambuco e Alagoas

A operação de repressão qualificada, denominada pelos agentes de "Fronteira Segura", iniciou as investigações em abril de 2020, com objetivo de desarticular os integrantes

Julianna Valença
Julianna Valença
Publicado em 16/04/2021 às 11:57
Notícia
Divulgação/Polícia Civil
Os agentes cumpriram 15 mandatos de busca e apreensão expedidos pela Vara Única da Comarca de Bom Conselho. - FOTO: Divulgação/Polícia Civil
Leitura:

A Polícia Civil cumpriu na manhã desta sexta-feira (16) 15 mandados de prisão e 15 de busca e apreensão domiciliar contra suspeitos de integrar uma organização criminosa. O grupo é investigado pelos crimes de roubo qualificado, porte ilegal de armas, receptação, adulteração de sinal identificador e clonagem de veículo automotor, além de porte de drogas e falsidade documental.

Divulgação/Polícia Civil
A operação conta com o apoio da Polícia Civil de Alagoas. - Divulgação/Polícia Civil
Divulgação/Polícia Civil
As investigações foram assessoradas pela Diretoria de Inteligência da Polícia Civil de Pernambuco – DINTEL. - Divulgação/Polícia Civil
Divulgação/Polícia Civil
Os agentes cumpriram 15 mandatos de busca e apreensão expedidos pela Vara Única da Comarca de Bom Conselho. - Divulgação/Polícia Civil
Divulgação/Polícia Civil
Na execução, estão sendo empregados 90 policiais civis, entre Delegados, Agentes e Escrivães, além do apoio operacional da Polícia Civil de Alagoas. - Divulgação/Polícia Civil

A operação de repressão qualificada, denominada pelos agentes de “Fronteira Segura”, foi realizada em municípios de Alagoas e nas cidades de Bom Conselho, Lagoa do Ouro, Itaíba e regiões próximas a Saloá, agreste pernambucano. As investigações iniciaram em abril de 2020, com objetivo de desarticular os integrantes da organização criminosa.

Na execução, foram empregados 90 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães, além do apoio operacional da Polícia Civil de Alagoas. Foram realizadas 11 prisões e a apreensão de motos, carros e documentos.

Segundo o delegado responsável pelo caso, Alysson Oliveira, os suspeitos detidos aguardam audiência de custódia.

Comentários

Últimas notícias