Restrições

Com novas medidas restritivas, feiras do Polo de Confecções do Agreste só podem funcionar de terça à sexta

A partir desta terça-feira (18), começam a vigorar novas restrições no Agreste, incluindo a suspensão das atividades das feiras do Polo de Confecções nos sábados, domingos e segundas-feiras

Luisa Farias
Luisa Farias
Publicado em 17/05/2021 às 15:43
Notícia
Foto: Edmar Melo/ Acervo JC Imagem
O objetivo do Governo de Pernambuco com as suspensão das atividades das feiras Polo de Confecções do Agreste é reduzir o fluxo de pessoas no local - FOTO: Foto: Edmar Melo/ Acervo JC Imagem
Leitura:

A partir desta terça-feira (18), começam a vigorar novas medidas restritivas na região do Agreste para conter a disseminação da covid-19, que vão vigorar até o próximo dia 31 de maio. As feiras do Polo de Confecções do Agreste estão inclusas nestas restrições e, portanto, não poderão funcionar nos sábados, domingos e segundas-feiras. Mas ao longo da semana poderão funcionar normalmente da terça até a sexta-feira. 

Nos finais de semana, em toda a região das IV e V Geres, com sede em Caruaru e Garanhuns, respectivamente, só poderão funcionar atividades essenciais, como farmácias, supermercados, postos de gasolina e feiras livres de produtos alimentícios. 

Segundo explicou a secretária-executiva de Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça, em entrevista à TV Jornal Interior, o objetivo do Governo de Pernambuco é reduzir o fluxo de pessoas no Polo de Confecção ao suspender as atividades das feiras do Polo de Confecções nos finais de semana."(Porque) além dos comerciantes e dos atacadistas que vão até essas feiras comprar suas mercadorias, muitas famílias também vão, porque estão de folga do seu trabalho", disse Ana Paula.

Segundo o secretário Estadual de Saúde, André Longo, afirmou no último sábado (15), os números da pandemia da covid-19 se comportaram de forma diferente na região Agreste em relação ao restante do estado nas duas últimas semanas. "O que nós detectamos, nessas últimas duas semanas, foi uma aceleração maior naquela região, destoando do restante do Estado, onde temos um platô ainda em níveis elevados. Os patamares de crescimento de demandas lá superaram os 44%, enquanto no resto do Estado ficou na casa dos 9%", explicou o secretário. 

Feira da Sulanca

De acordo com a Prefeitura de Caruaru, pelo fato da Feira da Sulanca funcionar nas segundas-feiras, o Delibery Sulanca será reativado. As outras feiras públicas do município vão funcionar de acordo com as determinações do novo decreto estadual.  

Comentários

Últimas notícias