alarme falso

Polícia busca suspeitos de adulteração de sinal identificador de veículos na Mata Norte de Pernambuco

Operação Alarme Falso foi desencadeada na manhã desta terça-feira (1º)

Bruna Oliveira
Bruna Oliveira
Publicado em 01/06/2021 às 7:27
Notícia
DIVULGAÇÃO/PCPE
Polícia Civil de Pernambuco desencadeou, nesta terça-feira 1º, Operação Alarme Falso - FOTO: DIVULGAÇÃO/PCPE
Leitura:

Com o objetivo de identificar e desarticular uma organização criminosa voltada para a prática dos crimes de adulteração de sinal identificador de veículo automotor e receptação, a Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) desencadeou, na manhã desta terça-feira (1º), a Operação Alarme Falso.

A ação é vinculada à Diretoria Integrada do Interior I (DINTER I), sob o comando do delegado Felipe Pinheiro, integrante da 11ª Delegacia Seccional de Polícia (11ª DESEC) e titular da 44ª Circunscrição Policial de Goiana, na Zona da Mata Norte de Pernambuco.

Durante a ação policial, estão sendo cumpridos quatro mandados de prisão, além de seis mandados de busca e apreensão domiciliar, expedidos pela Vara Criminal da Comarca de Goiana.

Iniciada em fevereiro deste ano, as investigações foram assessoradas pela Diretoria de Inteligência da Polícia Civil de Pernambuco (DINTEL). Na execução da ação, estão sendo empregados 40 policiais civis, entre eles delegados, agentes e escrivães.

Mais detalhes sobre a Operação Alarme Falso serão divulgados pela PCPE posteriormente.

Operação Certame

Também nesta terça, a Polícia Civil desencadeou a Operação Certame, que tem como objetivo identificar e desarticular associação criminosa voltada à prática do crime de fraude em certame de interesse público.

Estão sendo cumpridos 13 mandados de busca e apreensão domiciliar expedidos pela Vara Criminal da Comarca de Goiana, na Zona da Mata Norte de Pernambuco

Comentários

Últimas notícias