imunização

Fernando de Noronha começa a vacinar contra covid-19 jovens a partir de 18 anos

A expectativa é de que o arquipélago imunize toda a sua população adulta (3.800 pessoas), até o dia 24 de junho, tornando-se a primeira localidade pernambucana a vacinar todos inclusos na campanha contra o novo coronavírus

Amanda Azevedo
Amanda Azevedo
Publicado em 14/06/2021 às 20:44
Notícia
DIVULGAÇÃO
ANTICOVID Epidemiologista defendem que iniciar imunização de jovens deve criar a imunidade de rebanho - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

Jovens a partir dos 18 anos começaram a ser vacinados contra covid-19 em Fernando de Noronha, na manhã desta segunda-feira (14). A expectativa é de que o arquipélago imunize toda a sua população adulta (3.800 pessoas), até o dia 24 de junho, tornando-se a primeira localidade pernambucana a vacinar todos inclusos na campanha contra o novo coronavírus.

A vacinação em Fernando de Noronha foi acelerada desde a última sexta-feira (11), quando a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), por meio do Programa Estadual de Imunização (PNI-PE), levou mil doses de vacina ao arquipélago, que no mesmo dia passou a vacinar os adultos a partir dos 40 anos. No sábado (13), foi possível baixar a idade para os 29. Nos dos dias, segundo o governo estadual, mais de 700 pessoas foram imunizadas. "Percebemos uma grande adesão da população, que atendeu ao chamado e procurou o posto para tomar a primeira dose. Isso nos deu a possibilidade de antecipar a faixa etária, iniciando a semana com a vacinação para todos os maiores de 18 anos", disse o administrador da ilha, Guilherme Rocha.

Até a quarta-feira (16), toda a população elegível para essa vacinação pode se dirigir à quadra da Escola Arquipélago para tomar a primeira dose da vacina Astrazeneca/Fiocruz. Depois dessa data, a vacina volta a ser aplicada na Unidade de Saúde da Família.

"Toda a equipe está empenhada em proteger toda a população de Noronha o mais rápido possível. Também estamos atentos para beneficiar em casa aqueles que têm algum problema de locomoção ou não possam, no momento, se dirigir ao ponto de vacinação. Se necessário, ainda faremos busca ativa de possíveis faltosos. Nossa missão é beneficiar todos a partir dos 18 anos e evitar novos casos da Covid-19 na ilha", frisou o superintendente de Saúde de Noronha, Fernando Magalhães

Os moradores que estão fora da ilha poderão procurar o posto assim que retornarem para receber a primeira dose.

"Esse é um grande passo para que a ilha, que tem como principal atividade econômica o turismo, possa voltar ao normal. Esperamos finalizar as primeiras doses em todos os elegíveis ainda nesta semana. Mas reforçamos que todos precisam continuar usando máscara, fazendo a higienização das mãos e, em três meses, voltem para a segunda dose e, com isso, concluam o esquema vacinal preconizado", ratificou a superintendente de Imunizações da SES-PE, Ana Catarina de Melo.

 

Comentários

Últimas notícias