LAZER

Um pequeno paraíso escondido em Marcos Freire, no Grande Recife

Ainda pouquíssimo conhecido por pessoas de fora do bairro, o espaço é encantador e caracterizado por uma bela paisagem

Vanessa Moura
Vanessa Moura
Publicado em 26/09/2021 às 9:40
Notícia
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - FOTO: Cortesia/Edmilson Marinho
Leitura:

Atualizada às 10h30 de 27/09.

A reportagem do JC descobriu um 'paraíso escondido' em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. Com uma pequena cachoeira e bastante verde, o espaço fica na mesma propriedade da 'Lagoa Azul' e é pertencente ao Grupo Terra. Ainda pouquíssimo conhecido por pessoas de fora do bairro, o espaço é encantador e caracterizado por uma bela paisagem. Apesar disso, a propriedade está fechada e não permite a entrada de moradores e turistas, já que não possui a menor infraestrutura. 

LEIA MAIS

Os passeios e encantos que você nem pensava que existiam em Igarassu, no Litoral Norte de Pernambuco

Bonito no Agreste nordestino: Curta os melhores passeios com o Programa Cores e Sabores

Quem vê este pequeno local, lembra logo da Fazenda Lagoa Azul. Localizado na zona rual de Jaboatão dos Guararapes, o espaço tem um cenário composto de paredões rochosos, belas águas e árvores. Ele foi formado a partir de uma antiga pedreira, há mais de 30 anos, e o local surgiu após uma perfuração que atingiu um lençol freático. 

Por lá, era possível curtir a natureza, entrar no lago ou se aventurar com as atividades oferecidas pela Vértice Esportes de Aventura e pela Extreme Esportes. Trilha, rapel, bungee jump e flyboard são exemplos. 

Lagoa Azul, em Jaboatão dos Guararapes
Lagoa Azul, em Jaboatão dos Guararapes - Lagoa Azul, em Jaboatão dos Guararapes
lagoa-azul -

Desde 2020, porém, com o início da pandemia da covid-19, o espaço foi fechado para visitação e permanece assim até o momento. De acordo com Akhenaton Lopes Marinho, da administração do local, a propriedade passa por reformas e deve reabrir em meados do próximo ano. 

"Estamos reformando o restaurante, a área da tirolesa, deixando tudo melhor para receber os visitantes da melhor forma possível. Mas isso não é algo para agora, não estamos fazendo com pressa e a previsão é que o local possa reabrir apenas em 2022", explicou. 

Já este espaço localizado em Marcos Freire não possui projetos de reformulação e deve permanecer fechado por mais tempo. Apesar de lindo, não é destinado à visitação. 

"É muito lindo sim, tem a cachoeira, os eucaliptos. Realmente muito bonito. Mas não recomendamos a visitação, até porque é uma propriedade privada e a entrada no local sem permissão caracteriva invasão. Fora que o espaço não tem infraestrutura e pode acabar sendo perigoso para o visitante", completou Marinho. 

A reportagem do JC reitera que, "entrar ou permanecer, clandestina ou astuciosamente, ou contra a vontade expressa ou tácita de quem de direito, em casa alheia ou em suas dependências" é crime de invasão de propriedade privada contido no Artigo 150 do Decreto Lei nº 2.848. A detenção varia de um a três meses, ou multa.

Agora, até que a Lagoa Azul finalmente reabra, o jeito é apreciar fotos e vídeos da propriedade e aguardar pelas próximas aventuras. Veja: 

Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho
Cortesia/Edmilson Marinho
A cachoeira de Marcos Freire é um achado no meio do tumulto da Região Metropolitana do Recife - Cortesia/Edmilson Marinho

Comentários

Últimas notícias