SAÚDE

Hospital Barão de Lucena: Ministério Público dá prazo para apresentação de médicos pediatras

O prazo se deu em uma audiência pública realizada nesta segunda-feira (23), por meio da Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde da Capital

Bruno Vinicius
Cadastrado por
Bruno Vinicius
Publicado em 24/05/2022 às 15:44
SEVERINO SOARES/JC IMAGEM
Hospital Barão de Lucena - FOTO: SEVERINO SOARES/JC IMAGEM
Leitura:

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) deu um prazo de cinco dias para a Secretaria Estadual de Saúde (SES/PE) comprovar a lotação de três médicos pediatras nomeados para atuar no Hospital Barão de Lucena, na última semana. O prazo se deu em uma audiência pública realizada nesta segunda-feira (23), por meio da Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde da Capital. 

Segundo a promotora de Justiça de Defesa da Saúde da Capital, Eleonora Marise Rodrigues, a contratação dos pediatras ainda não resolve o déficit. "A chegada dos três novos pediatras é importante, mas não soluciona o déficit de oito neonatologistas, persistindo a falta de, pelo menos, cinco médicos na unidade de saúde. Por isso, a Promotoria de Justiça de Saúde continuará acompanhando. A SES informou que vem agilizando o rito da nomeação para que os médicos iniciem o trabalho ainda esta semana”, explicou.

De acordo com o MPPE, a SES se comprometeu a encaminhar cópia do pedido dirigido à Secretaria de Administração (SAD) para autorizar nova seleção simplificada para contratação temporária de 12 neonatologistas, intensivistas e cirurgiões pediátricos (número não divulgado) na unidade hospitalar. A Secretaria informou que do concurso vigente (2018) o banco de neonatologistas encontra-se esgotado, todos os aprovados foram nomeados. Atualmente há 67 lotados no Barão de Lucena.

VAGAS

"Por fim, a SES deverá informar o quantitativo de vagas para os cargos de médicos neonatologistas e intensivistas pediátricos, que será ofertado no edital do concurso a ser deflagrado pela SES/PE, no segundo semestre do corrente ano, bem como explicitar as medidas/incentivos planejados para estimular a participação de médicos dessas especialidades nos concursos e processos de seleção deflagrados pela pasta", disse a nota do MPPE.

Comentários

Últimas notícias