AUXÍLIO

CHUVAS EM PERNAMBUCO: Governo do Estado vai estender auxílio para cidades da Mata Sul e Agreste atingidas por temporais

Codecipe informou que 3.835 pessoas estão desalojadas

Mirella Araújo
Cadastrado por
Mirella Araújo
Publicado em 03/07/2022 às 16:35 | Atualizado em 03/07/2022 às 16:38
 Hélia Scheppa/SEI
O governador Paulo Câmara fez o anúncio da extensão do Auxílio após reunião com o Gabinete de Crise - FOTO: Hélia Scheppa/SEI
Leitura:

Diante das fortes chuvas que atingiram 24 municípios nas regiões da Mata Sul e Agreste do Estado nos últimos dias, provocando diversos pontos de alagamentos e danos à população, o governador Paulo Câmara anunciou, neste domingo (3), que vai estender o Auxílio Pernambuco.  

De acordo com a Secretaria Executiva de Defesa Civil do Estado, entre os dias 1º e 2 de julho, além de São Benedito do Sul os municípios mais atingidos foram Água Preta, Águas Belas, Angelim, Barreiros, Belém de Maria, Bom Conselho, Brejão, Canhotinho, Correntes, Cortês, Escada, Garanhuns, Itaíba, Jaqueira, Jupi, Lagoa do Ouro, Maraial, Palmares, Palmerina, Quipapá, Rio Formoso, Saloá e Tamandaré.

Informações repassadas à Central de Operações da Codecipe dão conta de que 3.835 pessoas estão desalojadas e 358 ficaram desabrigadas nas cidades de Água Preta, Belém de Maria, Bom Conselho, Canhotinho, Correntes, Escada, Garanhuns, Itaíba, Jaqueira, Lagoa do Ouro, Maraial, Palmares, Quipapá, Rio Formoso, Saloá e São Benedito do Sul.

Equipes da Defesa Civil do Estado estiveram, no sábado (02), em sete municípios das áreas com maiores danos para monitorar e repassar orientações às defesas civis municipais. Os trabalhos da Codecipe e do Gabinete de Crise vão continuar em todos os municípios afetados.

Na manhã deste domingo, o governador esteve em São Benedito do Sul, cidade mais atingida no Estado, e acompanhou o trabalho do prefeito Júnior Amorim e da sua equipe. “A previsão da Apac é que a intensidade das chuvas diminua nas próximas horas, facilitando os serviços de manutenção e recuperação”, ressaltou Paulo Câmara.

 


Comentários

Últimas notícias