PROMESSA

Prefeito eleito do Recife, João Campos mira crédito popular, emprego e empreendedorismo

Em entrevista, o socialista detalhou programas com foco na geração de emprego e renda

JC
JC
Publicado em 30/11/2020 às 7:46
Notícia

YACY RIBEIRO/ JC IMAGEM
João Campos (PSB) foi eleito prefeito do Recife nesse domingo (29) - FOTO: YACY RIBEIRO/ JC IMAGEM
Leitura:

Eleito prefeito do Recife neste domingo (29), o ainda deputado federal João Campos (PSB) focou em seus programas com foco na geração de emprego e renda. Ele foi entrevistado no programa Bom Dia Pernambuco, da TV Globo, nesta segunda-feira (30).

» Vitória de João Campos no Recife é capítulo importante da derrota da esquerda no Brasil

» Desafio de João Campos é não fazer uma gestão burocrática

Uma das promessas citadas é o crédito popular para pequenos empreendedores. "Entendendo que, no momento da crise, o sapato aperta para todo mundo, mas aperta sobretudo para quem menos tem. O papel da prefeitura é ajudar essa pessoa, mostrar que a gente quer ser parceiro de quem quer empreender, porque a gente acredita no talento do recifense", disse.

Segundo o socialista, o crédito se difere de outros já oferecidos. "É permitido para quem está negativado, tem taxa de juros de 0,99, nenhum banco consegue oferecer essa taxa, e tem o compromisso de você, pagando em dia, a prefeitura paga a última parcela. É um super estimulo para poder empreender", defende.

Outra proposta detalhada seria o "Desenvolve Recife", que, segundo o candidato, funcionaria como um Centro Comunitário da Paz (Compaz) do empreendedorismo. Inicialmente, a ideia é que os prédios fiquem no Ibura, Zona Sul da cidade, em Casa Amarela, Zona Norte, e outro no Centro. 

"Vai ter a sala do empreendedor, um agência do trabalho, um coworking, para possibilitar que os jovens da nossa cidade tenham um ponto de referência para fazer a qualificação profissional e para conseguir ter uma orientação para montar um negócio, ou começar a trabalhar. A gente vai conseguir fazer isso de maneira espalhada pelo Recife, não apenas em um lugar", afirma.

Outra ideia da nova gestão, que inicia em 2021, é a criação do "Embarque Digital", uma ação que pretende auxiliar alunos de escolas públicas a se especializarem em áreas de tecnologia.

"O embarque digital vai formar o jovem da escola pública recifense em nível superior para ingressar na área de tecnologia, que tem uma média de remuneração 5 ou 6 vezes maior do que de outras áreas, e a gente vai fazer um grande plano para isso", promete.

Formação do governo municipal

Quando questionado como será a seleção dos integrantes do governo, já que a campanha contou com 12 partidos na coligação "Frente Popular do Recife", Campos promete "um time com grande capacidade técnica de gestão, com vocação para cuidar da cidade". "A gente vai fazer isso de maneira muito serena e tranquila, e vocês vão poder acompanhar ao longo do mês de dezembro a formação do nosso time, do secretariado. A gente vai ter um mês de transição, hoje já estou mandando um ofício para o prefeito Geraldo Julio para amanhã já termos a primeira reunião de transição para a nova gestão, e vocês vão poder acompanhar", diz.

O novo prefeito retificou a promessa de destinar metade dos cargos de liderança do governo para mulheres. "Firmamos o compromisso, fomos a única candidatura que apresentou compromisso de ocupar metade dos cargos de liderança com mulheres. Vamos ter uma ampla participação feminina na nossa gestão, entendendo que isso é mais do que um compromisso simbólico: é uma garantia de que a gente vai humanizar a gestão, trazer a disciplina, o perfeccionismo, a boa qualidade de gestão e de cuidado que é particular das mulheres da nossa cidade", afirma. 

 

Comentários

Últimas notícias