Pesquisa

Reprovação a Bolsonaro atinge recorde de 53%, aponta Datafolha

É o maior porcentual absoluto de avaliação negativa do presidente desde o início do mandato

Estadão Conteúdo Douglas Hacknen
Estadão Conteúdo
Douglas Hacknen
Publicado em 16/09/2021 às 18:38
Notícia
Alan Santos/PR
Presidente da República, Jair Bolsonaro - FOTO: Alan Santos/PR
Leitura:

A reprovação ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) subiu de 51% a 53% entre julho e setembro, segundo pesquisa Datafolha publicada nesta quinta-feira (16). Embora esteja dentro da margem de erro de dois pontos porcentuais, o número, em tendência de alta desde dezembro do ano passado, de acordo com o instituto, representa o maior porcentual absoluto de avaliação negativa do presidente desde o início do mandato.

Mantendo sua reprovação em tendência de alta, o percentual de pessoas que consideram seu mandato ótimo ou bom caiu de 24% para 22%. Entre os que consideram a administração regular, o número seguiu em 24%. Um por cento não sabe ou não quis responder.

O Datafolha ouviu de forma presencial 3.667 pessoas com mais de 16 anos, em 190 municípios do País, entre os dias 13 e 15 de setembro - ou seja, após a "declaração à nação" publicada pelo chefe do Planalto para tentar amenizar a crise entre os poderes, ampliada após as ameaças feitas por Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal (STF) nos atos de 7 de setembro. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos porcentuais para mais ou para menos.



 

Comentários

Últimas notícias