POLÊMICA

Juliano Cazarré sobre não tomar vacina: "Adquiri imunidade ano passado"

Segundo o ator, ele já possui imunidade após ter covid-19 em 2020, apesar de estudos indicarem que a infecção não gera 100% de imunização

Ana Anjos
Ana Anjos
Publicado em 28/07/2021 às 14:09
Notícia
Juliano Cazarré - Foto: reprodução do Instagram
Juliano Cazarré - Foto: reprodução do Instagram
Leitura:

Após a polêmica sobre não tomar vacina e não participar mais de 'Pantanal', da Globo, em seu Instagram, Juliano Cazarré publicou mais stories sobre o caso. Dessa vez, ele confirmou que não pretendia tomar a vacina contra covid-19 e explicou o motivo, além de chamar o colunista Leo Dias de "um cara que vive de escândalos, que destrói reputações, separa famílias".

LEIA MAIS

Colunista diz que Juliano Cazarré se recusa a tomar vacina e pode ser cortado de novela

Luisa Mell surge irreconhecível e desabafa: "Me abandonei"

Na legenda da publicação, ele comentou que decidiu explicar a situação após seu pai solicitar. Com os comentários fechados, Juliano Cazarré afirmou que não falará mais sobre o assunto. No texto escrito pelo ator, o motivo de não querer receber o imunizante é que ele criou imunidade. Isso porque teve covid-19 em 2020.

Ainda segundo ele, o artista falou que leu textos dizendo que a vacina, em casos de pessoas que já se infectaram, não adianta muito e que uma nova carga viral pode prejudicar o processo. Apesar disso, ele relatou que irá tomar a vacina: "Mas deixei bem claro que se for uma condição da casa (Rede Globo) para que eu participe de 'Pantanal', que eu tomaria".

Juliano Cazarré declarou que no fim de semana conversou com um médico de confiança dele, que explicou sobre as vacinas e tirou dúvidas de como são feitas. Portanto, decidiu se imunizar, "assumindo os mesmos riscos que todos os outros vacinados". Ao chegar no posto, o informaram para passar no local na quinta-feira (29).

Confira a mensagem compartilhada pelo ator:

 

Comentários

Últimas notícias