CASO

DJ Ivis tem habeas corpus negado e continua preso por agredir ex-mulher

É a segunda vez que a defesa do produtor pede um habeas corpus e é negado

Ana Anjos
Ana Anjos
Publicado em 25/08/2021 às 18:15
Notícia
REPRODUÇÃO
DJ Ivis foi preso no dia 14 de julho - FOTO: REPRODUÇÃO
Leitura:

Iverson de Souza Araújo, conhecido como DJ Ivis, pediu um habeas corpus, mas foi negado nesta quarta (25). A rejeição foi feita pelo Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). Na votação dos desembargadores da 1ª Câmara Criminal, foram dois votos contra um e por isso decidiram manter a prisão do artista. A informação foi confirmada pela defesa do produtor.

DJ Ivis foi preso preventivamente no dia 14 de julho ao ter um vídeo divulgado onde aparece agredindo a ex-mulher, Pamella Holanda. Essa não foi a primeira vez que o pedido foi negado. No dia 19 de julho, o TJCE também não aceitou o habeas corpus da defesa. Atualmente, ele está no presídio Irmã Imelda Lima Pontes, na cidade de Itaitinga, Região Metropolitana de Fortaleza.

DJ Ivis foi denunciado por várias violências contra Pamella Holanda. Com base na Lei Maria da Penha, além da violência física e moral, também pode ter acontecido violência psicológica e patrimonial. "Eu tinha medo, eu tinha vergonha. Eu estava realizando um sonho, eu estava grávida. Eu sempre quis ser mãe. A gente entra num estado de negação, porque a gente não quer admitir pra gente mesmo, a gente quer procurar justificativa, a gente se culpa. É muito difícil", falou a vítima em uma entrevista.

Comentários

Últimas notícias