PASSO A PASSO

Vaza planejamento do funeral de 10 dias da rainha Elizabeth 2ª; confira

Soberana do Reino Unido tem 95 anos e ocupa o trono desde 1952

Romero Rafael
Romero Rafael
Publicado em 03/09/2021 às 20:54
Notícia
HANDOUT / BBC STUDIOS EVENTS / AFP
Normalmente bastante discreta sobre seu estado de saúde, "a rainha decidiu tornar essas informações públicas para evitar imprecisões e possíveis rumores", acrescentou a agência de notícias britânica PA - FOTO: HANDOUT / BBC STUDIOS EVENTS / AFP
Leitura:

Um documento que traz detalhes dos planos da família real britânica nos dias seguintes à morte da rainha Elizabeth 2ª, de 95 anos, foi vazado e publicado pelo site Político, nesta sexta-feira (3). A operação é batizada de London Brige (ponte de Londres, em tradução livre) e traz um passo a passo dos eventos reais e das ações das grandes lideranças políticas nos dez primeiros dias após a morte da monarca, que ocupa o trono há mais de 69 anos e ficou viúva do príncipe Philip em abril deste ano.

O dia do falecimento da rainha Elizabeth 2ª é chamado de Dia D. Neste dia, a morte da soberana deverá ser comunicada ao primeiro-ministro britânico, por telefone. Em seguida, a ministros e figuras políticas do primeiro escalão. “Nós acabamos de ser informados da morte de Sua Majestade A Rainha” é a frase a ser dita ao telefonema. Aos interlocutores será solicitada discrição.

Na sequência, as bandeiras em Whitehall, Londres, serão postas a meio mastro e todos os sites ligados ao governo britânico apresentarão uma tela preta confirmando a morte da rainha. As contas governamentais em redes sociais só poderão realizar publicações com autorização do chefe de comunicação do país. Só então, o príncipe Charles, filho da rainha Elizabeth 2ª e seu sucessor, fará um pronunciamento em rede nacional.

Dia D +1

No dia seguinte, Charles será proclamado rei do Reino Unido no Palácio de Saint James, pelo Conselho de Adesão. Políticos do alto escalão serão convidados e deverão comparecer usando gravatas pretas ou escuras.

Dia D +2

O corpo da rainha Elizabeth 2ª será levado ao Palácio de Buckingham, em Londres. Há rotas traçadas desde os diferentes locais em que poderá estar na hora da morte. Caso esteja em Sandringham, sua residência em Norfolk, na Inglaterra, por exemplo, o corpo será transportado pelo próprio trem real. 

Dia D +3 e Dia D +4

O agora rei Charles será recebido no salão de Westminster, onde passará por uma moção de condolências. À tarde, viajará à Escócia, onde encontrará o parlamento local. E no dia seguinte visitará a Irlanda do Norte, para outra moção de condolências.

Dia D +5

O caixão com o corpo da Rainha Elizabeth 2ª, até então no Palácio de Buckingham, será levado ao Palácio de Westminster em uma rota por Londres não detalhada na publicação feita pelo site Politico.

Dia D +6 ao Dia D +9

O corpo da rainha Elizabeth 2ª ficará exposto 23 horas por dia à visitação pública no Palácio de Westminster. Esta cerimônia não será destinada a líderes de Estado nem outras autoridades.

Dia D +10

O funeral de Estado da rainha Elizabeth 2ª será realizado na Abadia de Westminster, mesmo local onde o príncipe William e a princesa Kate se casaram em 2011. Haverá também dois minutos de silêncio que deverão ser respeitados em todo o Reino Unido. Uma procissão ocorrerá entre Londres e Windsor, onde a a rainha será enterrada, precisamente na Capela Memorial do Rei George 6º.


Comentários

Últimas notícias