VISUALIZAÇÕES

Depois de Round 6, saiba quais são as séries mais lucrativas da Netflix

Custo da produção coreana foi de R$ 115 milhões, o equivalente a 2,3% dos ganhos

Gabriela Andrade
Gabriela Andrade
Publicado em 20/10/2021 às 8:48 | Atualizado em 20/10/2021 às 9:41
NETFLIX / DIVULGAÇÃO
REPERCUSSÃO Park Hae-soo, o Cho Sang-Woo de Round 6, acumula cada vez mais prestígio. Ele estará na versão sul-coreana de Casa de Papel - FOTO: NETFLIX / DIVULGAÇÃO
Leitura:

Segundo um documento interno da Netflix, cujos dados foram divulgados pela Bloomberg, o fenômeno sul-coreano Round 6 criará quase US$ 900 milhões em valor de mercado para o streaming, o equivalente a mais de R$ 4,9 bilhões.

O material revela ainda que cerca de 132 milhões de usuários assistiram a pelo menos dois minutos da série nos primeiros 23 dias. A série se tornou a mais vista na história da plataforma, com mais de 111 milhões de espectadores em todo o mundo.

Pensando nisso, o Social 1 separou as três séries mais lucrativas do serviço de streaming, depois de Round 6. Confira:

Bridgerton – 1ª temporada

Bridgerton, romance baseado nos livros de Julia Quinn e que conta a história de oito irmãos que buscam amor e felicidade na alta sociedade londrina. A série que teve a melhor estreia da história da Netflix bateu 82 milhões de visualizações.

O drama de época se passa na era da Regência, o que justifica boa parte do orçamento ser utilizado para figurino, cabelo, maquiagem e, é claro, cenário. O custo por episódio foi de US$ 7 milhões.

Lupin – Parte 1

Inspirado pelas aventuras de Arsène Lupin, e estrelada por Omar Sy como o ladrão gentil, a série atingiu a marca de 76 milhões de visualizações em sua parte 1.

The Witcher – 1ª temporada

A série estrelada por Henry Cavill, que reúne aventura repleta de monstros, magia e destino teve 76 milhões de visualizações.

Utilizando grandes quantidades de efeitos visuais, a série transportou para as telas do serviço de streaming o universo medieval adaptado do jogo de videogame. The Witcher teve um custo de US$ 10 milhões (R$ 55,2 milhões) por episódio.

Siga o Social1 no Instagram, Facebook, Twitter e TikTok.

Comentários

Últimas notícias