QUEBRANDO TABU

"A estomia salvou minha vida", diz Luciano Szafir ao desfilar no SPFW com bolsa de colostomia

Ator passou a usar a bolsa de colostomia no dia a dia após cirurgia para reconstruir o intestino, devido a complicações da Covid-19

Gabriela Andrade
Gabriela Andrade
Publicado em 19/11/2021 às 8:14 | Atualizado em 19/11/2021 às 10:05
Instagram
Luciano Szafir desfila no SPFW com bolsa de colostomia - FOTO: Instagram
Leitura:

Nesta quinta-feira (18), Luciano Szafir foi um dos destaques do São Paulo Fashion Week, ao desfilar usando uma roupa assinada pelo estilista Walério Araújo.

Na ocasião, o ator e ex-modelo atravessou a passarela de camisa aberta, exibindo uma bolsa de colostomia na barriga. 

Em entrevista ao blog Vencer Limites, Luciano Szafir contou por que expôs o instrumento coletor e revelou detalhes de sua rotina depois de enfrentar uma grave infecção pelo coronavírus. Segundo o Estadão, no Brasil, aproximadamente 120 mil pessoas usam bolsas de estomia.

“Pode acontecer com qualquer pessoa. A cirurgia salvou a minha vida e não há motivo para ter vergonha de usar uma bolsa de estomia. Minha volta às passarelas era a oportunidade para normalizar e fazer entender que um estomizado não precisa sofrer privações”, disse o ator.

Luciano Szafir afirma que, no começo, teve medo e dificuldade, mas entendeu que o uso da bolsa de estomia não era uma uma sentença, uma definição pessoal. “Quem não conhece, julga. Mesmo sem querer, tem atitudes preconceituosas. Seja na hora de contratar um funcionário ou se relacionar afetivamente”. Em seu perfil no Instagram, o ator fez uma publicação para falar sobre como se sentiu ao desfilar 'ostomizado':

O que é colostomia ?

A colostomia é a exteriorização no abdome de uma parte do intestino grosso, o cólon, para eliminação de fezes, gases ou urina; criada a partir de uma abertura artificial. A Estomia é o resultado da operação para remover uma doença e aliviar sintomas. 

A Estomia é considerada uma deficiência física que exige cuidados específicos, conforme estabelecido no Decreto n° 5 296, de 2 de dezembro de 2004. Em 16 de novembro, foi celebrado o Dia Nacional das Pessoas com Estomia.

Após a cirurgia, o estoma e o fluxo intestinal não podem ser controlados voluntariamente. Por esse motivo, é necessário que a bolsa de estomia esteja sempre acoplada, coletando os dejetos cada vez que o intestino funcionar.

Siga o Social1 no Instagram, Facebook, Twitter e TikTok. 

Comentários

Últimas notícias