Blog O Viral
O Viral

Se tem um repórter que não vive sem pauta, é o Viral. De notícias curiosas às novidades do seu seriado ou filme favorito, tá tudo aqui.

VER PERFIL
Abandono

Voluntários se unem para salvar búfalos vítimas de maus-tratos

A polícia chegou a resgatar mais de mil animais em situações precárias

Maria Luísa Fernandes
Maria Luísa Fernandes
Publicado em 22/11/2021 às 12:03 | Atualizado em 22/11/2021 às 12:04
Reprodução/Arquivo pessoal
Animais que foram cruelmente abandonados no interior de São Paulo - FOTO: Reprodução/Arquivo pessoal
Leitura:

Um hospital de campanha foi completamente estruturado por ativistas voluntários em Brotas, interior localizado em São Paulo, para cuidar de mais de mil búfalos que foram cruelmente abandonados pelo dono de uma fazenda. Boa parte dos animais encontrados são búfalos grávidas, que estão magras, e foram resgatadas por uma ONG de proteção animal.

A ONG ARA está responsável pela tutela desses animais desde que a fazenda recebeu uma denúncia, no início desse mês. A polícia chegou a resgatar mais de mil animais, todos eles da espécie búfalos-asiáticos, em situação grave de abandono. De acordo com os voluntários, vários outros búfalos também foram encontrados mortos de fome na fazenda.

A cantora e apresentadora Xuxa Meneguel, conhecida por ser vegana há anos, entrou na campanha neste fim de semana para denunciar que houve uma grande reviravolta no caso. Ela também chegou a pedir ajuda e justiça para o caso.

"Infelizmente o caso teve uma reviravolta no sábado: os advogados do fazendeiro bloquearam a entrada, proibindo o acesso de comida e água para os animais que agonizam. Não podemos deixar isso impune! Esses animais precisam de cuidados, o culpado precisa ser punido e perder o direito de ser tutor ou "dono" deles", protestou a apresentadora em seu Instagram. 

Neste último fim de semana, os voluntários foram obrigados a sair da fazenda, mas montaram alguns acampamentos na estrada para continuar com os cuidados dos animais. 

O dono da fazenda foi autuado em R$ 2,133 milhões. Ele chegou a ser preso, mas pagou a fiança de R$ 10 mil e foi liberado. O homem está em São Paulo e aguarda o julgamento em liberdade.

A justiça deu permissão por 15 dias para que a entidade protetora, empresas e funcionários da prefeitura entrem na fazenda para cuidar dos animais. 

Corrente do bem para ajudar os animais

Mesmo com a boa vontade dos voluntários em ajudar os animais, os custos para manutenção e tratamento dos animais tem sido um grande desafio. Voluntários de todas as partes do Brasil estão ajudando, mas os gastos diários ainda são elevados.

"Estamos gastando uma média de R$ 4 mil para comprar 10 toneladas de silagem por dia. Isso é o mínimo que estamos utilizando, mas precisamos aumentar 15 toneladas para que os animais se recuperem mais rápido", explicou o presidente da ONG ARA, Alex Parente. 

Os custos têm sido bancados pelos próprios voluntários que buscam por doações, fazem rifas e outras ações para conseguir continuar cuidando dos animais. 

Patrícia Fittipaldi é uma das voluntárias no hospital de campanha. Ela foi do Rio de Janeiro para Brotas somente para essa missão. 

"A gente ficou chocada com a situação quando começou a ver nas mídias sociais. Imagina, uma situação que mais de mil animais foram deixados à própria sorte para morrer agonizando de fome e cede", contou a voluntária.

Informações: Só Notícia Boa.

Comentários

Últimas notícias