Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

crise

Santa Cruz perde mais uma e segue sua via-crúcis na Série C

Tricolor jogou com um jogador a menos durante todo o segundo tempo. O atacante Levi foi expulso nos acréscimos da etapa inicial.

Haim Ferreira
Haim Ferreira
Publicado em 24/07/2021 às 21:01
Notícia
RAFAEL MELO/SANTA CRUZ
Santa Cruz perdeu para o Botafogo-PB na última rodada da Série C - FOTO: RAFAEL MELO/SANTA CRUZ
Leitura:

Com um a menos durante todo o segundo tempo - Levi foi expulso nos acréscimos da primeira etapa -, o Santa Cruz perdeu por 1x0 para o Botafogo-PB, na noite deste sábado (24), em João Pessoa, e aumentou a crise na Série C do Campeonato Brasileiro. Com a quarta derrota consecutiva e na lanterna do seu grupo, o tricolor agora está a sete pontos de deixar a zona de rebaixamento.

Com o fim dos jogos de ida, a Cobra Coral precisa de uma campanha milagrosa para não cair para a quarta divisão. São necessárias seis vitórias nos nove jogos restantes. O próximo desafio acontece no domingo (1), contra o Manaus, no Arruda. 

O jogo:

O primeiro tempo foi de poucas finalizações e muitas faltas. Pressionado, o Santa Cruz demonstrava nervosismo, não conseguindo manter a bola em sua posse quando a tinha. Durante o início do jogo, o técnico Roberto Fernandes chegou a falar "a gente recupera a bola e devolve pros caras". Com esquemas de jogo espelhados, ambos no 3-5-2, a partida ficou muito truncada no meio de campo e jogadas de criatividade foram praticamente nulas.

Com apenas sete finalizações na etapa inicial, nenhuma delas surgiu de ações trabalhadas. Restava às equipes arriscar de fora da área. Esquerdinha comandava as tentativas pelo lado do Botafogo e Frank respondia pelo Santa Cruz. Eles tiveram dois chutes perigosos cada. No final do primeiro tempo, o Santa Cruz esboçou uma reação, passando a dominar as ofensivas do jogo, dando um bom prenúncio do que poderia se esperar do segundo tempo. O banho de água fria, no entanto, veio nos acréscimos, quando o atacante Levi acabou levando o segundo cartão amarelo e sendo expulso da partida, para o desespero dos tricolores.

Com um a mais, o Belo não demorou a mexer no placar. Logo aos 9 minutos do segundo tempo, Gabriel Araújo acertou lindo cruzamento no segundo pau e Sávio chapou bonito, sem chances para Jordan. Sem mais nada a perder, o técnico Roberto Fernandes colocou o Santa Cruz para frente, promovendo as estreias de Elias Carioca e Tarcísio. Madson e Rone também foram acionados, numa tentativa de ao menos empatar a partida e diminuir o prejuízo. 

Tarcísio foi quem se apresentou melhor. Além de uma finalização, o jogador deu um bom passe para Madson, que não retribuiu. As demais modificações surtiram pouco efeito e o Santa Cruz continuou tendo problemas em sua transição, que era muito lenta. O Botafogo se aproveitou da superioridade numérica e apenas administrou o placar, não tendo também mais nenhuma chance evidente de perigo. Melhor para os paraibanos que assumiram a liderança do Grupo A e situação agonizante para os pernambucanos, que se afundam na lanterna.


Ficha do Jogo:

Botafogo-PB - 1: Lucas, Willian Machado, Gabriel Yanno (Rogério) e Daniel Felipe; Amaral (Luã Lúcio), Pablo, Sávio, Gabriel Araújo (Marcos Aurélio) e Esquerdinha (Gabriel Costa); Juba (Tsunami) e Éderson. Técnico: Gerson Gusmão.

Santa Cruz: - 0: Jordan; Weriton, Rafael Castro, William Alves, Victor Oliveira (Tarcísio), Leonan; Vitinho (Elias Carioca), Maycon Lucas (Léo Gaúcho), Rondinelly (Madson); Levi e Frank (Rone). Técnico: Roberto Fernandes.

Local: Almeidão, em João Pessoa.

Horário: 19h

Árbitro: Fábio Augusto Santos Sá Junior (SE)

Assistentes: Rodrigo Guimarães Pereira e Vaneide Vieira de Gois (ambos SE)

Gols: Sávio, aos 9 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Levi, Jordan, Weriton e Maycon Lucas (Santa Cruz); Luã Lúcio, Daniel Felipe, Pablo, Esquerdinha e Gabriel Costa (Botafogo-PB)

Cartões vermelhos: Levi (Santa Cruz)

BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Roberto Fernandes já disse que nunca viveu na carreira um momento tão difícil como o atual do Santa Cruz - FOTO:BOBBY FABISAK/JC IMAGEM

Comentários

Últimas notícias