Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

CNRD

Sport contabiliza 36 casos na CNRD; veja o total da dívida milionária

Casos na CNRD podem, inclusive, impossibilitar o Leão de inscrever novos jogadores

Carolina Fonsêca
Carolina Fonsêca
Publicado em 28/07/2021 às 19:58
Notícia
ARNALDO CARVALHO / ACERVO JC IMAGEM
A nova administração do clube se reuniu com os advogados que representam o rubro-negro junto à CBF e está passando um pente fino em todas as ações que existem contra o Sport. - FOTO: ARNALDO CARVALHO / ACERVO JC IMAGEM
Leitura:

Em processo de transição após as eleições realizadas no último dia 15 de julho, a nova gestão do Sport está diante de um cenário complicado quando o assunto são as finanças do clube e causas na Justiça. Só na Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o órgão que resolve conflitos jusdesportivos envolvendo o futebol, são 36 ações. Mais do que a complicação financeira, a existência desses casos na CNRD pode gerar advertências e fazer o rubro-negro ser impossibilitado de contratar novos jogadores para esta temporada, como aconteceu no ano passado. E há risco disso acontecer em um futuro próximo. 

O vice-presidente Jurídico do Leão, Rodrigo Guedes, revelou em entrevista ao repórter Antonio Gabriel, da Rádio Jornal, realizada nesta quarta-feira (28), que o valor somado desses casos na CNRD gira em torno de R$ 20 milhões. "Fomos surpreendidos com a quantidade grande de vencimentos com data próxima, além de débitos vencidos e alguns que estão prestes a vencer, além de acordos que foram realizados e não foram cumpridos", disse Guedes. A nova gestão está se articulando para encontrar saídas e deve ir à CBF na próxima semana para tentar diminuir o problema.

A nova administração do clube se reuniu com os advogados que representam o rubro-negro junto à CBF e está passando um pente fino em todas as ações que existem contra o Sport tanto na CNRD quanto na Justiça do Trabalho. O objetivo é encontrar possíveis ações que existam em duplicidade, já que um jogador pode, por exemplo, acionar o Leão nas duas vias. "Estamos analisando caso a caso para ver o que podemos fazer para diminuir isso ai. São 36 casos e uns mais recentes, uns mais antigos, outros são acordos. Estamos tentando fazer acordos também", explicou.

Embora existam 36 casos contra o Leão, basta um para impossibilitar o clube de inscrever jogadores, isso porque o que gera advertências e posteriormente uma punição é o estágio em que cada caso está. Quando um caso é julgado e sai a sentença, há um tempo determinado para que o pagamento seja feito. Se o Sport não pagar, é dado um prazo. "Era comum o Sport fazer acordo, parcelar e descumprir o parcelamento, recebendo a advertência. E vai aumentando as penalidades com o não cumprimento, acaba por ocorrer isso, essa penalidade maior que é não poder inscrever jogadores no BID. Há como recorrer, mas muitos casos já passaram dessa fase de recurso", completou o vice-presidente Jurídico do Sport. 

Comentários

Últimas notícias