Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Futebol Nacional

Dos palcos para o gramado: veja como foi a estreia de MC Livinho pelo São Caetano na Copa Paulista

Jogar bola profissionalmente é um sonho antigo do cantor

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 17/09/2021 às 23:56
Notícia
REPRODUÇÃO/INSTAGRAM @adscoficial
MC Livinho iniciou a disputa da Copa Paulista pelo São Caetano. - FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM @adscoficial
Leitura:

O MC Livinho conseguiu realizar o sonho de jogar bola profissionalmente. Nesta sexta-feira, ele disputou 15 minutos do empate por 1x1 entre São Caetano e Portuguesa pela Copa Paulista. Com a camisa do Azulão, ele iniciou o confronto no banco de reservas.

LEIA MAIS

Com carreira na música, MC Livinho realiza sonho de ser jogador de futebol

São Caetano anuncia a contratação de MC Livinho para integrar o elenco

Menos de 24h após anúncio, MC Livinho desiste de ser jogador do Audax

Mesmo sendo por pouco tempo, Livinho conseguiu ajudar o São Caetano. Ele sofreu o pênalti que originou o gol de empate. Em março do ano passado, o MC chegou a fechar um acordo com o Audax. Porém, desistiu menos de um dia depois. Veja abaixo como foi a estreia dele no canal Dazn.

CONFIRA A ESTREIA DE MC LIVINHO

CONHEÇA A HISTÓRIA DO MC

O sonho de criança de Oliver era ser jogador de futebol para agradar o avô. Aos 26 anos, ele tem sua primeira chance como profissional na disputa da Copa Paulista pelo São Caetano. Mas, afinal, quem é Oliver? Certamente você o conhece como MC Livinho. Fenômeno no funk com mais de 10 milhões de seguidores no Instagram, o cantor decidiu que era o momento ideal para transformar em realidade o que ficou em segundo plano quando emplacou o primeiro sucesso na música com Mulher Kama Sutra, em 2012.

>> MC Livinho se pronuncia após ser acusado de racismo

>> Funkeiro MC Livinho é acusado de agredir funcionário após show

Ainda sem uma agenda de shows por causa da pandemia do novo coronavírus, Livinho iniciou os treinos no Anacleto Campanella em julho. Aos poucos, o agora atacante foi pegando o jeito do futebol profissional. Antes, a bola era pura diversão nas peladas de final de ano, quando ele demonstrava certa intimidade entre jogadores de férias ou já aposentados.

"Pisar no gramado como profissional é muito especial. Estou realizando um sonho. É uma parada muito séria, fica difícil de descrever o que estou sentindo neste momento", afirmou Livinho. "É um sonho implantado no meu coração. Meu vôzinho, o finado Manoel Martins, queria que eu fosse jogador e isso se tornou o meu sonho também."

Comentários

Últimas notícias