Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

ranking

Cinco jogadores não badalados que já venceram a Bola de Ouro

Nem sempre os mais cotados ou os craques levam o troféu de Bola de Ouro. Relembre alguns casos de atletas menos badalados que acabaram ficando com o título de melhor jogador do mundo

Haim Ferreira
Haim Ferreira
Publicado em 25/11/2021 às 4:02
Notícia
AFP
Modric ganhou a Bola de Ouro em 2018 - FOTO: AFP
Leitura:

A revista France Football já está na contagem regressiva para entregar o prêmio individual mais renomado do futebol mundial. O vencedor do Ballon D'or, a Bola de Ouro, será anunciado na próxima segunda-feira (29). O Blog do Torcedor levantou a lista de cinco jogadores não badalados que já ficaram com o troféu. 

Michael Owen (2001)

Com apenas 21 anos, o inglês Michael Owen desbancou nomes como Luís Figo, Raúl e Oliver Kahn para conquistar a Bola de Ouro de 2001. O jogador disputou 46 partidas pelo Liverpool na temporada, marcando 24 gols. No Campeonato Inglês, ele atuou em 28 partidas e marcou 16 vezes. Pela seleção inglesa, o atacante marcou seis gols em oito jogos, incluindo um hat-trick em cima da Alemanha de Oliver Kahn em Munique. Ele foi peça fundamental na classificação dos Three Lions para a Copa do Mundo de 2002, vencida pelo Brasil.

REPRODUÇÃO DA INTERNET
Michael Owen, vencedor da Bola de Ouro de 2001 - REPRODUÇÃO DA INTERNET

Pavel Nedved (2003)

O tcheco Pavel Nedved nunca foi daqueles atletas que jogava para a torcida, mas era um carregador de pianos. Por isso, não chamava a atenção da mídia. No entanto, o meia conquistou o prêmio atuando pela Juventus, deixando para trás nomes como Thierry Henry, Zidane e Paolo Maldini. Naquele ano, ele foi um dos destaques no título do Campeonato Italiano, além de ter chegado na final da Champions League.

REPRODUÇÃO DA INTERNET
Pavel Nedved, vencedor da Bola de Ouro de 2003 - REPRODUÇÃO DA INTERNET

Andriy Shevchenko (2004)

Mesmo com Ronaldinho Gaúcho vivendo o seu auge no Barcelona, a Bola de Ouro de 2004 ficou com o ucraniano Shevchenko. Deco, Henry e Adriano Imperador também concorriam e eram muito mais badalados na época. Ao 28 anos, naquela temporada, o jogador marcou 29 gols pelo Milan, sendo campeão italiano daquele ano e da Champions League no ano anterior.

REPRODUÇÃO DA INTERNET
Andriy Shevchenko, vencedor da Bola de Ouro de 2004 - REPRODUÇÃO DA INTERNET

Fabio Canavarro (2006)

Um zagueiro como melhor do mundo? Aconteceu em 2006, quando o italiano Canavarro ficou com a Bola de Ouro após conquistar a Copa do Mundo com a Azurra naquele ano. Ronaldinho, Buffon e Thierry Henry ficaram pelo caminho.

REPRODUÇÃO DA INTERNET
Fabio Canavarro, vencedor da Bola de Ouro de 2006 - REPRODUÇÃO DA INTERNET

Luka Modric (2018)

Ganhar uma Bola de Ouro enquanto Cristiano Ronaldo e Lionel Messi estão em grande fase não é um feito para qualquer um. Luka Modric, do Real Madrid, pode bater no peito e dizer que conseguiu. Amparado pela boa campanha da Croácia, que chegou à Copa do Mundo de 2018, o jogador acabou ficando com o prêmio, desbancando o argentino e o português.

REPRODUÇÃO DA INTERNET
Luka Modric, vencedor do Bola de Ouro de 2018 - REPRODUÇÃO DA INTERNET

Comentários

Últimas notícias