Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

HISTÓRICO

Com gol de herói improvável, Palmeiras vence Flamengo na prorrogação e conquista o tri da Libertadores

Rafael Veigar e Deyverson marcaram para o Palmeiras. Gabriel Barbosa fez o gol do Flamengo

Túlio Feitosa
Túlio Feitosa
Publicado em 27/11/2021 às 19:38
Natacha Pisarenko/ESTADAO CONTEÚDO
Recém-campeão da Libertadores, o Palmeiras busca reforçar o elenco para a atual temporada - FOTO: Natacha Pisarenko/ESTADAO CONTEÚDO
Leitura:

Tricampeão! O Palmeiras encarou o Flamengo em uma grande disputa pelo título da Copa Libertadores da América e, com direito a prorrogação e gol de herói improvável, conquistou a glória eterna pela terceira vez na história do clube. O Verdão bateu o Rubro-negro por 2x1 neste sábado (27), no Estádio Centenário, em Montevidéu, como palco do espetáculo.

>> Saiba quanto o Palmeiras faturou ao conquistar o tricampeonato da Libertadores

 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 

A post shared by Blog do Torcedor (@blogdotorcedor)

>> Deu ruim! Torcedor do Flamengo tatua o título da Libertadores antes da partida; confira

>> Flamenguista pede namorada palmeirense em casamento no Centenário, mas torcida protesta: "não, não, não"

>> Anitta se apresenta na final da Libertadores 2021; veja vídeo completo

Rafael Veigar abriu o placar para o Palmeiras, mas Gabriel Barbosa empatou para o Flamengo. Na prorrogação, Deyverson aproveitou falha defensiva dos rubro-negros para fazer o gol do título.

Comandada pelo técnico português Abel Ferreira, a equipe paulista levantou o troféu da Libertadores pelo segundo ano consecutivo. Também foi o terceiro ano consecutivo que a Libertadores é conquistada por um clube brasileiro, já que 2019 foi conquistado pelo próprio Flamengo, finalista deste sábado.

>> Palmeiras campeão! Veja os times brasileiros com mais títulos da Libertadores

>> Quais times foram campeões da Libertadores? Confira ranking atualizado de títulos da competição

O jogo

Clima e ritmo de decisão. As duas equipes vieram querendo mostrar serviço e, de fato, buscar o tricampeonato sendo dominante dentro de campo. O Flamengo chegou a agredir primeiro, mas o Palmeiras logo respondia.

Mas a resposta do Verdão acabou sendo fatal já aos seis minutos do primeiro tempo. Mayke conduzia a bola pela ponta direita da grande área e tocou recuado para a marca do pênalti. Rafael Veigar estava lá, esperando a bola, e finalizou forte no canto direito do goleiro Diego Alves. Palmeiras 1 a 0. O Flamengo ainda sofreu com a perda de Filipe Luís, que sentiu dores na panturrilha e foi substituído por Renê.

JUAN MABROMATA / AFP
Rafael Veigar marcou o primeiro gol do Palmeiras diante do Flamengo na final da Libertadores - JUAN MABROMATA / AFP

O jogo seguiu tenso. O rubro-negro carioca havia sentido o primeiro gol do adversário e deixou muitos espaços abertos pelos lados do campo, onde o clube paulista passou a explorar mais. O Flamengo logo se reorganizou, mas só foi chegar com perigo lá na frente aos 42 minutos, quando Bruno Henrique fez boa jogada pela ponta esquerda, entrou na pequena área e escorou a bola para Arrascaeta, quase em baixo da barra. O meia uruguaio empurrou para o gol, mas o goleiro Weverton estava lá para fazer milagre e evitar o empate.

Segundo tempo

A segunda metade começou mais eletrizante ainda. Voltando sem alteração, o Flamengo precisava achar o gol para evitar que o Palmeiras levasse o título, enquanto o Verdão se segurava e tentava ampliar o placar. Rony chegou com perigo aos 7 minutos, quando pegou a bola na entrada da grande área e bateu colocado para linda defesa de Diego Alves. A resposta do Flamengo veio aos 11 minutos, mas Weverton fez mais uma bela defesa em finalização de David Luiz.

Mas o Flamengo voltou a brigar pela taça quando o artilheiro brilhou. Aos 27 minutos, Gabriel Barbosa, o Gabigol, recebeu bola de Arrascaeta na ponta esquerda da pequena área e bateu no cantinho do goleiro palmeirense, dessa vez sem conseguir defender. 1 a 1.

PABLO PORCIUNCULA / AFP
Gabriel Barbosa marcou o gol de empate do Flamengo contra o Palmeiras na final da Libertadores - PABLO PORCIUNCULA / AFP

Michael ainda teve a chance de virar a partida, após receber mais um lindo passe dado por Arrascaeta, mas Weverton fechou o ângulo do atacante flamenguista, que finalizou para fora. Após cinco minutos de acréscimos, a partida acabou indo para a prorrogação.

Prorrogação

O Palmeiras voltou a liderar o placar com um herói improvável. Deyverson havia entrado no lugar de Rafael Veigar, autor do primeiro gol, para a prorrogação e herdou a posição de goleador da partida. Aos 7 minutos, o atacante viu Andreas Pereira se atrapalhar e recuperou a bola para ficar frente a frente com Diego Alves. Deyverson não desperdiçou e fez 2 a 1 para o Verdão, o gol do título.

FICHA DO JOGO: PALMEIRAS 2 X 1 FLAMENGO

Palmeiras: Weverton; Mayke (Gabriel Menino), Gustavo Gómez, Luan e Piquerez (Felipe Melo); Danilo (Patrick de Paula), Zé Rafael (Danilo Barbosa), Gustavo Scarpa e Rafael Veiga (Deyverson); Dudu (Wesley) e Rony. Técnico: Abel Ferreira.

Flamengo: Diego Alves; Isla (Matheuzinho), Rodrigo Caio, David Luiz e Filipe Luís (Renê); Willian Arão, Andreas Pereira (Pedro), Everton Ribeiro (Michael) e Arrascaeta (Vitinho); Bruno Henrique (Kenedy) e Gabriel. Técnico: Renato Portaluppi.

Local: Estádio Centenário, Montevidéu - Uruguai.

Árbitro: Néstor Pitana

Assistentes: Juan Belati e Gabriel Chade

Gol: Rafael Veigar aos 6 minutos do 1º tempo e Deyverson aos 7 minutos do 1º tempo da prorrogação; Gabriel aos 27 minutos do 2º tempo.

Cartões amarelos: Piquerez, Gustavo Gómez e Felipe Melo (P); Rodrigo Caio, Gabriel e Arrascaeta (F).

Comentários

Últimas notícias