RECOMENDAÇÃO

Bolsistas da Capes que cumprem missões internacionais são orientados a evitar trabalho onde há transmissão sustentada de coronavírus

A recomendação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) é de que as viagens sejam reprogramadas dentro do período de vigência do projeto ou que o destino seja alterado

Rute Arruda
Rute Arruda
Publicado em 10/03/2020 às 17:33
Notícia
FOTO: AFP
O novo coronavírus já afetou milhares de pessoas - FOTO: AFP
Leitura:

Bolsistas que cumprem missões internacionais pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), vinculada ao Ministério da Educação (MEC), foram orientados a evitar o trabalho em lugares onde há transmissão sustentada de coronavírus. A transmissão sustentada acontece quando o paciente infecta outra pessoa sem ter viajado para fora do país. A orientação foi dada nesta terça-feira (10).

A sugestão da Capes é que as viagens sejam reprogramadas dentro do período de vigência do projeto ou que o destino seja alterado. Caso não seja viável a alteração, o bolsista poderá solicitar a desistência do programa. Quem já está em missão em algum dos países e regiões de alerta pode solicitar o retorno antecipado.

Mais de 300 milhões de alunos sem aula

Por conta do surto do coronavírus, a Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) informou, nesta terça-feira (10), que cerca de 360 milhões de alunos em vários países estão sem aula. Em 15 países, escolas e universidades foram fechadas, e em outros 14 foi implementado o fechamento parcial de instituições de ensino.

Mapa de coronavírus no mundo

Comentários

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias