SUPERMERCADO

Funcionário de loja do Carrefour morre após acidente com empilhadeira

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, policiais militares souberam que o jovem veio a óbito "após o veículo que ele operava ter tombado em uma rampa"

Bruna Oliveira
Bruna Oliveira
Publicado em 26/04/2021 às 16:09
Foto: Divulgação/ Carrefour
O homem, que tinha 20 anos, trabalhava como operador de loja do Carrefour - FOTO: Foto: Divulgação/ Carrefour
Leitura:

Com informações do UOL

Um funcionário do hipermercado Carrefour do Limão, localizado na Zona Norte de São Paulo, morreu na tarde deste domingo (25), após um acidente com uma empilhadeira. O homem, que tinha 20 anos, trabalhava como operador de loja.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, policiais militares souberam que o jovem veio a óbito "após o veículo que ele operava ter tombado em uma rampa", por volta das 12h. O atendimento médico ainda chegou ao local, mas foi constatada a morte da vítima ainda no estabelecimento comercial.

>> Após morte de homem negro, Carrefour anuncia fim da terceirização de segurança

>> Desafio do Carrefour é provar que, além de estar preocupado com o clima, cuida das pessoas

O corpo do funcionário foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). O caso foi registrado como morte suspeita da 13º Departamento de Polícia. Uma perícia foi solicitada perícia para o local. Em nota divulgada pelo UOL, o Carrefour lamentou o ocorrido.

"É com grande pesar que informamos o falecimento de um colaborador nosso na loja Limão, decorrente de um acidente na área de estoque com uma empilhadeira. O colaborador trabalhava como operador de loja. Imediatamente ao acidente, prestamos o atendimento inicial e acionamos o Corpo de Bombeiros e o SAMU", disse trecho da nota divulgada pelo site.

Em outra parte do texto, o Carrefour informou que as atividades da loja foram suspensas nesse domingo, após o acidente.

"O acesso à vítima e ao local do acidente ficou restrito a pedido da Polícia para a realização da perícia. Em respeito aos familiares e colegas de trabalho do colaborador, as operações foram suspensas e a loja, fechada durante o domingo. Estamos à disposição das autoridades para contribuir com as investigações. Neste momento de imensa dor, estamos em contato com a família, dando todo o suporte necessário e também apoio psicológico".

 

Comentários

Últimas notícias