CAÇADA

Lázaro foi preso, diz governador de Goiás sobre serial killer do DF

A informação foi divulgada pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado, através das redes sociais

Katarina Moraes
Cadastrado por
Katarina Moraes
Publicado em 28/06/2021 às 9:41 | Atualizado em 28/06/2021 às 10:11
DIVULGAÇÃO/POLÍCIA CIVIL
Lázaro Barbosa foi morto no dia 28 de junho em confronto com policiais da força-tarefa que fazia buscas por ele há 20 dias - FOTO: DIVULGAÇÃO/POLÍCIA CIVIL
Leitura:

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), informou pelas redes sociais que Lázaro Barbosa, de 32 anos, também conhecido como 'serial killer do Distrito Federal', foi preso nesta segunda-feira (28) em Cocalzinho (GO). Minutos depois, o Estado confirmou a morte do suspeito de ter assassinado quatro pessoas de uma mesma família no DF. A operação para prendê-lo envolveu quase 300 policiais, além de helicópteros, drones e cães farejadores. 

"Acabo de receber neste momento a informação de todas as forças de segurança que estão na região de Cocalzinho (GO) que o Lázaro foi preso. [Quero] cumprimentar todos aqueles que estão ali há vários dias trocando informações e chegando ao resultado final da prisão do Lázaro. Meus cumprimentos a todas as forças de segurança que ali interagiram e trabalharam com determinação para mostrar que a lei está acima de tudo", disse o governador por vídeo.

"Ta aí, minha gente, como eu disse, era questão de tempo até que a nossa polícia, a mais preparada do País, capturasse o assassino Lázaro Barbosa. Parabéns para as nossas forças de segurança. Vocês são motivo de muito orgulho para a nossa gente! Goiás não é Disneylândia de bandido", escreveu Ronaldo.

O serial killer é suspeito, ao todo, de pelo menos nove crimes: roubo, estupro, sequestro, tentativa de homicídio, homicídio, furto, porte ilegal de arma de fogo, tentativa de latrocínio e invasão. Ele já foi condenado por duplo homicídio na Bahia. A polícia de Goiás prendeu dois homens suspeitos de ajudar Lázaro durante a fuga. Os homens são um fazendeiro e o caseiro de uma propriedade rural no distrito de Girassol, em Cocalzinho de Goiás.

Comentários

Últimas notícias