vazamento de óleo

Conheça a Delta Tankers, empresa responsável por navio suspeito de vazar óleo no Nordeste

Empresa diz que seus ''equipamentos e sistemas atendem ou excedem os mais rigorosos padrões globais de segurança e meio ambiente''

JC Online
JC Online
Publicado em 01/11/2019 às 13:35
Notícia
Foto: Delta Tankers/Reprodução
Empresa diz que seus ''equipamentos e sistemas atendem ou excedem os mais rigorosos padrões globais de segurança e meio ambiente'' - FOTO: Foto: Delta Tankers/Reprodução
Leitura:

A Delta Takers, responsável pelo navio Bouboulina, apontado nesta sexta-feira (1º) pela PF como sendo o que derramou óleo no Nordeste, é uma empresa grega. De acordo com o site oficial, foi fundada em 2006 e está em atividade até agora operando com 25 navios-tanque.

Ainda de acordo com o site, a empresa é sediado em Atenas, com o endereço da Rua Zefyrou, Palaio Faliro, número 58B. A empresa diz que "todas as embarcações incorporam recursos, equipamentos e sistemas que atendem ou excedem os mais rigorosos padrões globais de segurança e meio ambiente e os requisitos de classe, bandeira e indústria".

A Delta Tankers também apresenta certificado ISO 14001: 2004 que, segundo a empresa, "é uma evidência de sua preocupação com questões de proteção ambiental."

O navio

O navio Bouboulina foi construído em 2006 e o seu nome é em homenagem a Laskarina Bouboulina, heroína na Guerra da Independência Grega. Ele possui 276 metros de comprimento e tem capacidade para carregar até 164 mil toneladas (somando a carga, passageiros, água, combustível, etc).

A embarcação ficou detida nos Estados Unidos por quatro dias, segundo informações da Marinha. O documento enviado à Polícia Federal aponta que a detenção se deu por "incorreções de procedimentos operacionais no sistema de separação de água e óleo descarga no mar".

Últimas notícias