Valorização

Associação dos Delegados lança campanha sobre Pacto pela Vida

Campanha mostra situação atual dos servidores e pede uma maior valorização dos profissionais

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 13/02/2015 às 17:50
Leitura:

A Associação dos Delegados de Polícia do Estado de Pernambuco (Adeppe) lançará ainda este mês uma campanha de esclarecimentos sobre o Pacto pela Vida, que no ano passado teve um mau desempenho, com um acréscimo de 8,7% no número de assassinatos em relação a 2013. O evento também servirá para esclarecer à população a real situação dos delegados no Estado, que ganha um dos salários mais baixos do País.

Para o presidente da Associação, Flaubert Queiroz, são várias as reclamações contra a forma que o governo trata os profissionais. "Os delegados vêm trabalhando de uma forma absurda. Para se ter uma ideia, nossa carga horária é de 40 horas semanais. Mas o que acontece atualmente é que estamos trabalhando até 100 horas semanais, sem remuneração", explica. 

Ainda de acordo com Queiroz, essa situação é ruim para os servidores e para a própria população. "O governo não vem reconhecendo o nosso esforço. Muitos pediram até exoneração e aposentadoria por não aguentarem essa situação. Muitos delegados no interior estão responsáveis por até duas delegacias. A violência está voltando e os números estão demonstrando isso. Estamos preocupados com isso, mas também queremos uma valorização salarial", afirma.

Segundo Queiroz, a campanha será divulgada através de outdoors, televisão e redes sociais para disseminar a campanha a todos e os outdoors serão colocados nas vias de grande movimentação do Estado, como a Avenida Agamenon Magalhães.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias