Modernização

Zona Azul Digital estará disponível para download a partir do dia 25

Os condutores poderão cadastrar três veículos diferentes em um cadastro no aplicativo

JC Online JC Online
JC Online
JC Online
Publicado em 03/06/2019 às 19:20
Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR
Os condutores poderão cadastrar três veículos diferentes em um cadastro no aplicativo - FOTO: Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR
Leitura:

O aplicativo Zona Azul Digital ficará disponível para download a partir de 25 de junho, nos sistemas Android e IOS. Foi o que informou, nesta segunda-feira (3), a Prefeitura do Recife, por meio da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU), em coletiva de imprensa. Os órgãos divulgaram, também, que os condutores poderão, no máximo, cadastrar até três veículos diferentes no serviço. O serviço começará a funcionar a partir do dia 1º de julho deste ano.

O talão em papel, que só será válido até o dia 30 de junho, será descontinuado na capital pernambucana. O serviço oferecerá, entre outras vantagens, a autonomia para o usuário ativar a própria vaga e, também, para monitorar o tempo de permanência do veículo, já que o aplicativo enviará uma notificação quando o prazo estiver terminando.

Renovação

Após realizar o download, o usuário precisa cadastrar um cartão de crédito/débito. Em seguida, será necessário escolher a placa do veículo e clicar no botão “ativar” para a ativação do cartão. Notificações serão mandadas para alertar os motoristas sobre o tempo máximo de permanência e a renovação da vaga poderá ser feita apenas uma vez.

No caso dos usuários do aplicativo, será dada a opção com 15 minutos de antecedência, já os clientes dos pontos de vendas terão que se deslocar até o local. A medida de renovação apenas uma vez será tomada para garantir a democratização do espaço público através da rotatividade das vagas.

Outra opção

A compra do cartão digital de Zona Azul também poderá ser feita nos pontos de vendas fixos, que aceitarão o pagamento em dinheiro, cartão de crédito ou débito.

O usuário deve ir ao ponto de venda mais próximo, efetuar o pagamento, informar a placa de seu veículo e solicitar a ativação da vaga. Após o processo, será emitido um comprovante de pagamento impresso.

A CTTU alerta que os condutores que precisarem trocar folhas de papel de Zona Azul por cartões digitais deverão fazer presencialmente, no período entre 1º de julho até 1º de agosto de 2019, na sede da CTTU, que fica no bairro de Santo Amaro.

Idoso

Com direito a 20 vagas de Zona Azul gratuitas por mês, os idosos devem apresentar um documento de credencial de estacionamento emitida pela CTTU e um documento de identificação com foto, para poder receber o beneficio.

Fiscalização

Nenhum comprovante de papel precisará ser exposto nos carros e motocicletas. A fiscalização será feita pelos agentes de trânsito por meio de equipamentos digitais.

Os profissionais vão consultar a placa do veículo pela própria câmera do celular e, em caso de irregularidade, gerar a autuação. Além da leitura por Reconhecimento Ótico de Caracteres (OCR) pelos celulares, a fiscalização também será realizada pelo agente de trânsito com um carro equipado com câmeras que possuem a mesma tecnologia.

A multa pra quem estacionar de forma irregular nas vagas de Zona Azul é grave (R$ 195,23, mais cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação) e o veículo está passível de remoção ao depósito.

Zona Azul

A capital pernambucana conta com mais de 3.200 vagas rotativas em bairros com do Recife, São José, Santo Antônio, Boa Vista, Madalena, Encruzilhada, Casa Amarela, Casa Forte e Boa Viagem.

O horário de funcionamento da Zona Azul varia de acordo com a demanda para estacionamento de veículos no local. A maioria das vagas funciona no horário das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, e das 8h às 12h, aos sábados. O tempo máximo de permanência varia entre duas e cinco horas, a depender da sinalização indicativa nos locais, custando R$ 3,00.

Últimas notícias