LUTO

Sepultamento de policial morta ao reagir assalto será realizado hoje

O enterro será no cemitério de Casa Amarela, na Zona Norte, às 16h

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 30/08/2015 às 12:07
Fotos: Guga Matos/ JC Imagem
O enterro será no cemitério de Casa Amarela, na Zona Norte, às 16h - FOTO: Fotos: Guga Matos/ JC Imagem
Leitura:

O sepultamento da policial militar morta ao reagir um assalto será realizado às 16h deste domingo (30), no cemitério de Casa Amarela, na Zona Norte do Recife.

Tatiana Ribeiro de Melo de 35 anos morreu após ser baleada no bairro de Caetés I, em Abreu e Lima, no Grande Recife, neste sábado (29). A agente reagiu ao ser abordada por bandidos na PE-18. 

A vítima ainda chegou a ser socorrida e levada para o Hospital Miguel Arraes (HMA), em Paulista, também na Região Metropolitana, mas não resistiu aos ferimentos.

A policial trabalhava na Delegacia de Porto de Galinhas, em Ipojuca, no Litoral Sul do estado. De acordo com o sindicato, ela estava há sete anos na corporação.

O caso

O presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol-PE), Áureo Cisneiros, contou que a policial foi abordada dentro do carro, quando estava com a família. "Dois bandidos abordaram a policial. Ela reagiu porque sabia que se percebessem que era policial, era morte certa. A gente tem lamentando muito, antes de ser policial a gente é cidadão. Policial virou alvo. Se for assaltado, atiram".

Quatro pessoas foram presas envolvidas no crime. O primeiro preso, Álvaro Henrique Cabral de 23 anos e com antecedentes, esta custodiado no hospital Miguel Arraes.

O segundo suspeito, preso pelo delegado Ivaldo Pereira, Thiago José Otaviano da Silva de 25 anos, confessou o crime e entregou as armas da policial Tatiana e a outra usada por ele no crime.

Além disso, Ana Lúcia da Silva, mãe e Nislainy Emily Ferreira de Carvalho, de 21 anos, namorada de Thiago José Otaviano da Silva serão autuadas por porte ilegal de arma de uso restrito, porque ficaram com a arma da policial Tatiana. 


O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias