CRIME

Grupo sequestra parentes de tesoureiro do Banco do Brasil de Bezerros

A polícia foi acionada a tempo e a família do funcionário foi liberada pelos criminosos

JC Online
JC Online
Publicado em 27/10/2016 às 12:39
Foto: Cortesia
A polícia foi acionada a tempo e a família do funcionário foi liberada pelos criminosos - FOTO: Foto: Cortesia
Leitura:

Um tesoureiro do Banco do Brasil de Bezerros, no Agreste do Estado, passou por momentos de tensão na manhã desta quinta-feira (27). Três familiares do funcionário foram sequestrados e para que os reféns fossem libertos, um grupo de criminosos pediu para que o funcionário roubasse o dinheiro da agência. 

De acordo com informações da Polícia Civil, o tesoureiro ainda teria ido ao banco com explosivos colados ao corpo, que seriam usados para explosão do cofre da agência. Ao perceber seu nervosismo, funcionários do banco questionaram e ele acabou revelando o plano dos criminosos. A polícia foi acionada em seguida. Segundo testemunhas, ao perceber a movimentação, comerciantes da localidade fecharam todas as lojas, no centro da cidade. 

Ainda segundo a polícia, os reféns foram soltos no início desta tarde e passam bem. Nenhum dinheiro foi levado da agência. O caso está sob responsabilidade da Delegacia de Polícia de Barreiros.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias