VISÃO

Tecnologia promove tratamento mais seguro para catarata

Com o tempo, o cristalino do olho fica opaco e prejudica visão; o tratamento é cirúrgico e muito seguro, graças aos avanços

Lorena Aquino
Lorena Aquino
Publicado em 11/06/2019 às 15:24
Reprodução/TV JC
Com o tempo, o cristalino do olho fica opaco e prejudica visão; o tratamento é cirúrgico e muito seguro, graças aos avanços - FOTO: Reprodução/TV JC
Leitura:

A catarata é uma doença que pode afetar qualquer ser humano que envelhece. Ela é caracterizada pela opacificação da lente natural que existe nos olhos, uma estrutura que vai sofrendo alterações progressivas ao longo da vida. Muita gente sequer percebe que ela está ali, e antigamente o tratamento só era recomendado nos casos mais graves – o procedimento era invasivo e doloroso.

Agora, os avanços tecnológicos permitem que o diagnóstico seja feito muito cedo, e o tratamento também. As cirurgias são minimamente invasivas e podem ser associadas inclusive à correção de grau, com segurança e precisão.

O assunto foi abordado na TV JC, nesta terça-feira (11), com a presença dos oftalmologistas Álvaro Dantas, diretor do Instituto de Cirurgia Ocular do Nordeste (Ícone), e Daniela Endriss, da Clínica de Olhos Visio. Assista ao programa completo:

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias