ACIDENTE

Motorista do cantor Cristiano Araújo será indiciado por homicídio culposo

Técnicos da montadora Land Rover revelaram que no momento do acidente Ronaldo estava dirigindo a 179km/h

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 10/09/2015 às 12:55
Foto: Prefeitura de Itanhaém
Técnicos da montadora Land Rover revelaram que no momento do acidente Ronaldo estava dirigindo a 179km/h - FOTO: Foto: Prefeitura de Itanhaém
Leitura:

O motorista Ronaldo Miranda, 40, foi indiciado pela Polícia Civil na manhã desta quinta-feira (10) pela morte do cantor Cristiano Araújo e da sua namorada, Allana Moraes.

O condutor deve responder pelo crime de duplo homicídio culposo, quando não há a intenção de matar, e  pode pegar de dois a quatro anos de prisão.

Técnicos da montadora Land Rover revelaram que no momento do acidente, Ronaldo Miranda estava dirigindo a 179km/h. No Brasil, a velocidade máxima permitida é de 110 km/h.

Cristiano Araújo morreu em um acidente de carro em junho deste ano, quando voltava de um show em Goiás com a namorada, o motorista e o empresário. O músico chegou a ser levado até um hospital, a namorada morreu no local.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias