Sucesso

No auge da carreira, Wesley Safadão anuncia DVD no Rio de Janeiro

Cantor gravará novo projeto ao vivo em agosto, durante o Garota Vip no Parque Olímpico

Robson Gomes
Robson Gomes
Publicado em 26/05/2019 às 5:00
Notícia
Foto: Elektra/Divulgação
A live do cantor Wesley Safadão também vai ser a gravação do DVD WS em Casa 2 - FOTO: Foto: Elektra/Divulgação
Leitura:

SÃO PAULO – No alto de seus 30 anos de idade, o cearense Wesley Oliveira da Silva não esconde de ninguém que vive o melhor momento da sua carreira artística.

Wesley Safadão começou a cantar em meados de 2002, mas foi apenas entre 2006 e 2007 que sua carreira artística começou a ser levada a sério.

“Acredito que, artisticamente, eu só venho crescendo. Estou conquistando novos passos, objetivos, coisas que até então não eram possíveis, conseguimos realizar. E seria injusto dizer que eu não vivo o meu melhor momento”, disse o cantor durante uma coletiva de imprensa em São Paulo para divulgar a gravação de seu próximo DVD no evento Garota Vip – organizado pelo próprio artista – no dia 24 de agosto, no Parque Olímpico do Rio de Janeiro.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Wesley Safadão (@wesleysafadao) em

Com total controle de seus passos na carreira – quando já teve época em que fazia cerca de 40 a 50 shows por mês – o cantor afirma que sua trajetória já teve vários marcos.

“Eu não tive uma virada só. Em 2010 teve uma, quando consegui ‘parar de vender o almoço para comprar a janta’. Foi quando as coisas começaram a melhorar. Em 2012, gravamos um DVD no Recife, e ali foi um divisor. Em 2015, a música Camarote – lançada em dezembro de 2014, no Villa Mix Fortaleza – foi outra virada. Mas foi em 2015 que teríamos a noção que essa seria a canção para colocar as contas em dia, que todo artista tem a sua”, relembrou.

O sucesso de Wesley Safadão foi conquistado gradativamente. Sempre levando o forró como premissa de seu trabalho.
“Eu gosto [de ser chamado de cantor de forró], isso não me incomoda. Sempre vou ter o prazer de levantar essa bandeira, que eu canto forró, que eu venho do forró. Nunca quero que deixem de falar isso. Mas eu acho que a música nos dá oportunidade e liberdade para cantar outros ritmos, desde que você se sinta bem”, relata Safadão, que também tem se permitido passear por outros gêneros, como o mais recente single Desencana, que ele classifica como um “pop funk”.

Desencana é um pop funk, que é maravilhosa, por sinal. Igual a Ela Só Uma, teoricamente, é sertanejo. Mas eu não posso perder a minha essência. [...] Eu consigo cantar de tudo. Se é uma sofrência, uma volta por cima, um funk, eu brinco com tudo isso, isso me dá mais possibilidades”, coloca.

Para o cearense, o sucesso não tem gênero musical definido: “O importante é gravar sucesso, independente da batida. Se gravou sucesso, deu certo, vamos para frente. O povo gosta de sucesso! E música boa é o que vai ser sempre o diferencial de qualquer artista”.

Atento a todas as tendências da música popular brasileira, Safadão afirma respeitar o êxito alheio, independente do ritmo. “Eu não canto para mim, eu canto para o povo. Então, o que o povo está gostando? O que o povo está curtindo? Eu respeito todos os ritmos e segmentos. Se aquele artista está fazendo sucesso é porque fez algo de bom. Se vai continuar ou não, isso aí é o tempo quem diz, mas tem que respeitar”, afirma ele, que também pode ser visto apresentando o programa Só Toca Top, exibido semanalmente na TV Globo e Multishow, ao lado da paraibana Lucy Alves.

SAFADÃO GOSPEL

Evangélico e batizado pela Igreja Batista da Lagoinha, de Belo Horizonte, Wesley Safadão revelou que, além de ouvir diversos gêneros diariamente, a música gospel também tem espaço na sua vida e no trabalho.

“Eu escuto muito louvor. Acho que fico uns 15, 20, 30 minutos ali acordando. Fico agradecendo a Deus, lembrando de tudo o que ele me proporcionou. Porque hoje, o que eu consegui conquistar, junto com minha família, minha equipe, é muito mais do que eu sonhei”, argumenta ele, que afirmou ouvir e admirar artistas como Davi Sacer, Aline Barros, Preto no Branco e Diante do Trono.

Questionado na coletiva se ele gravaria um disco gospel, Safadão entregou que “não ia demorar muito”, mas explicou: está para gravar uma música do gênero junto com o produtor Dudu Borges.

“É um sonho que não está muito longe. O Dudu Borges está com um projeto de músicas evangélicas e perguntou ao Davi Sacer se ele conhecia um cantor que gostasse de música gospel, e ele se lembrou de mim. Daí o Dudu produziu uma música para que eu colocasse voz. Só falta arranjar um tempo para gravar”, revelou o cantor.

Mesmo com essa “passeada” pela música evangélica, Safadão disse que não há espaço para incluir canções deste gênero em seus shows. “Não que seja impossível, mas acho que não é o lugar. As pessoas estão ali em outra situação, em outro momento”, justificou.

Enquanto isso, as expectativas para seu novo DVD em agosto, junto com o projeto TBT – onde regravará sucessos da carreira como Tentativas em Vão, Meu Amanhecer, Menino Bobo e Escravo do Amor – que grava ainda neste mês, além da segunda edição de seu cruzeiro temático WS On Board, em novembro, são as melhores possíveis.

“O que conseguimos construir é algo de extrema importância e de se orgulhar muito. Você conseguir trabalhar do norte ao sul do País, não é fácil. Poucos artistas conseguem isso. Às vezes, um artista está bem numa região, mas não está em outra. E isso dá um trabalho danado, uma logística muito louca. Por isso gravar um DVD no Rio de Janeiro, no Sudeste do País, se tornará especial por esse motivo”, definiu Safadão.

NOVO DVD

A última edição do Rock In Rio em 2017 agregou um público de 100 mil pessoas por dia. O mesmo número também foi dado ao Lollapalooza em 2018. Mas no ano passado, um festival de música no Rio de Janeiro aglomerou 70 mil pessoas no Parque dos Atletas. Seu nome? Garota Vip, um evento que reuniu quatro grandes shows de diferentes gêneros musicais e ainda tinha como headliner o seu principal organizador: o forrozeiro Wesley Safadão. Agora, este megaevento na capital carioca será palco da gravação de seu novo DVD, marcado para agosto no Parque Olímpico, que tem capacidade para até 90 mil pessoas.

“Nós tínhamos até pensado em gravar [um DVD] em janeiro do próximo ano. Mas mudei de ideia e decidi gravar no Garota Vip porque é um evento que hoje, graças a Deus, é super consagrado. E não vou fugir muito do que faço no Garota Vip. No meu repertório, vou cantar os grandes sucessos, músicas novas, e ainda algumas de um projeto chamado TBT, onde eu canto músicas [do seu próprio repertório] que o Nordeste conhece, mas algumas regiões do País não”, antecipou o cantor, que costuma tocar neste evento até quatro horas sem parar.

“O show do DVD vai ser um show normal. Nunca gostei de gravação de DVD com aquele para, para, aquele volta, volta. São coisas que ficam chatas no processo. Meu show no Garota Vip vai começar às 3h da manhã, como já é de praxe, e vou amanhecer o dia cantando normalmente”, promete Safadão.

E ainda que tenha escolhido a capital carioca para fazer o seu novo registro, o artista quer ver o Brasil inteiro na plateia do Garota Vip: “Quero avisar desde já que, de onde os fãs vierem, tragam suas bandeiras para representar cada estado. Isso será muito importante para nós”.

Wesley Safadão também comentou um pouco de sua escolha de repertório para este projeto. “Pretendo colocar entre sete e dez músicas inéditas. Canções como Só Pra Castigar, Não Atende Não, Igual a Ela Só Uma, Desencana também estão garantidas. No final do mês de maio vou lançar uma música com MC Kekel, que deve entrar também”, afirmou.

Com direção de Catatau, a estrutura de palco que Wesley pretende montar no Parque dos Atletas servirá de base para as edições do Garota Vip em 2020. Além do cantor gravando o DVD, já estão confirmados para na festa os shows de Zé Neto & Cristiano, Dilsinho e Dennis DJ.

Os ingressos para o evento começaram a ser vendidos na última quinta-feira (23) – e estão disponíveis no site Ingresso Rápido com valores de R$40 a R$350. 30 mil entradas já foram adquiridas em menos de 24 horas após a abertura da comercialização dos bilhetes.

Para Safadão, a gravação deste DVD em agosto é uma forma de consolidar mais um de seus projetos de sucesso. “Eu preciso registrar o que estamos fazendo. Preciso desse registro para olhar daqui a dez anos e ver o que conseguimos construir, porque não é fácil. E pretendo gravar mais registros dos meus projetos, porque é uma forma de eternizar a carreira de bons momentos e bons projetos. E que isso sirva até de exemplo para muitos”, conclui o cearense.

GAROTA VIP RECIFE

O Jornal do Commercio, que esteve presente na coletiva em São Paulo, aproveitou para perguntar ao cantor se ele tinha planos para trazer o Garota Vip para Recife, e a resposta do artista foi muito positiva para os fãs pernambucanos.

“Estou morrendo de saudade de fazer Garota Vip no Recife. Já tem dois anos que não fazemos, mas isso é estratégico também. Somos muito cobrados por Pernambuco, mas faremos uma edição no Recife no dia 19 de outubro (sábado), com Vintage Culture, Simone & Simaria, e mais um a definir”, antecipou Safadão, que convidou o público pernambucano, um dos Estados que mais abraça o seu trabalho, para também marcar presença em seu novo DVD na Cidade Maravilhosa dois meses antes.

*O repórter viajou a convite da assessoria do artista.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias