seleção sub-20

Seleção brasileira segue com chances matemáticas de vaga no Mundial Sub-20

A seleção brasileira soma dois pontos e um saldo negativo de três gols, o que resulta na sexta e última colocação da fase final da competição

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 08/02/2019 às 9:08
Reprodução/Twitter
A seleção brasileira soma dois pontos e um saldo negativo de três gols, o que resulta na sexta e última colocação da fase final da competição - FOTO: Reprodução/Twitter
Leitura:

Com uma campanha abaixo das expectativas no Sul-Americano Sub-20, realizado no Chile, a seleção brasileira segue viva na luta por uma vaga no Mundial da categoria, que será no meio deste ano na Polônia. Após o empate por 0x0 contra o Equador, o Brasil precisava que a Colômbia derrotasse a Venezuela no terceiro e último jogo da quarta rodada do hexagonal decisivo e isso aconteceu - 2 a 0 para os colombianos.

Com dois pontos e um saldo negativo de três gols, o time comandado pelo técnico Carlos Amadeu está na sexta e última colocação da fase final da competição. Os quatro primeiros colocados garantem vaga no Mundial Sub-20 e o quarto lugar está com a Colômbia, com quatro. Entre eles está a Venezuela, também com quatro e menor saldo de gols (0 a -3).

ÚLTIMA RODADA

A quinta e última rodada do hexagonal, na cidade de Rancagua, acontecerá neste domingo. O Brasil precisa obrigatoriamente vencer a Argentina, líder e já garantida no Mundial com nove pontos, e torcer para a Colômbia perder para o Uruguai, em segundo lugar com sete, e a Venezuela ser derrotada pelo Equador, em terceiro também com sete.

O primeiro jogo da rodada será entre colombianos e uruguaios. No caso de um empate, o Brasil entrará em campo na sequência com a missão de golear a Argentina por quatro ou mais gols de diferença para ficar na frente da Colômbia. O Sul-Americano Sub-20 será encerrado com o duelo entre venezuelanos e equatorianos.

Além do título e das vagas no Mundial Sub-20, a última rodada definirá os três países classificados aos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, no meio deste ano. A Argentina já se garantiu e os outros dois postos são disputados por Uruguai, Equador, Colômbia e Venezuela. O Brasil já não tem chances de classificação.

Para este confronto decisivo, a seleção brasileira ainda tem mais dois dias de trabalhos regenerativos e também de treinamentos.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias