AVALIAÇÃO

'Essa vai ser uma das melhores Copa do Nordeste que já teve', diz Roberto Fernandes

Treinador acredita que os clubes que estão na Série A largam na frente pelo título do Nordestão

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 25/01/2020 às 15:43
Notícia
Foto: arquivo pessoal
Treinador acredita que os clubes que estão na Série A largam na frente pelo título do Nordestão - FOTO: Foto: arquivo pessoal
Leitura:

 

 

Conhecedor do futebol nordestino como poucos, o técnico Roberto Fernandes, que já comandou várias equipes da Região (Náutico, Santa Cruz, ABC, América-RN, Confiança e CRB), conversou com a reportagem do Jornal do Commercio, e avaliou a Copa do Nordeste 2020.

Para o treinador pernambucano, a edição desse ano tende a ser uma das mais equilibradas já disputadas. "Na minha avaliação, sem dúvida, essa vai ser uma das melhores Copa do Nordeste que já teve. Porque conseguiu reunir, na mesma edição, todos os campeões. Digo que o Nordestão é a Copa do Clássicos. Praticamente em toda rodada tem pelo menos um clássico do Nordeste", declarou Roberto Fernandes, também fazendo um comparativo com o Campeonato Paulista, considerada a competição mais competitiva do País nesse primeiro trimestre. "Em relação ao Paulistão, levando em consideração os quatro grandes: Santos, São Paulo, Palmeiras e Corinthians... Se tirar esses quatro, pra mim, a Copa do Nordeste é a competição mais atrativa e a que mais empolga o torcedor nesse início de ano", concluiu. 

Com relação aos favoritos ao título do Nordestão, Roberto Fernandes apontou os clubes que estão na Série A com uma leve vantagem. "As equipes que estão na Série A têm mais condições de conquistar o título... Bahia, Ceará, Fortaleza e Sport, pois têm maior orçamento, investimento forte, manutenção do elenco. Então, acabam saindo na frente na busca pelo título. Mas, pelo formato da competição, permite alguma surpresa. Pois no mata-mata é um campeonato à parte", avaliou.

FINANÇAS

Um dos atrativos da Copa do Nordeste, sem dúvida, é questão financeira. Só em cotas de televisionamento, no total, mais de R$ 30 milhões foram distribuídos para os clubes que disputam a competição. Além desse montante, há premiações a cada avanço de fase. "O Nordestão tem um papel fundamental para os clubes nesse aspecto financeiro. Tirando patrocinador, sócio torcedor, a Copa do Nordeste só fica atrás da Copa do Brasil em termos de premiação. E, na Copa do Brasil, se você já pega um clube de Série A e não consegue avançar muitas fases, já complica. Por isso, o Nordestão acaba tendo essa relevância considerável para todos os clubes que participam.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias