Série C

Dal Pozzo aguarda definição de três jogadores para repetir escalação no Náutico

Danilo Pires, Wallace Pernambucano e Neto dependem de aprovação do departamento físico

Fernando Marinho
Fernando Marinho
Publicado em 14/06/2019 às 17:28
Notícia
Léo Lemos/Náutico
Danilo Pires, Wallace Pernambucano e Neto dependem de aprovação do departamento físico - FOTO: Léo Lemos/Náutico
Leitura:

Para repetir pela primeira vez a escalação desde que chegou ao Náutico, visando a partida contra o Botafogo-PB, neste domingo (16), o técnico Gilmar Dal Pozzo aguarda a definição de três jogadores. O volante Danilo Pires e os atacantes Neto e Wallace Pernambucano foram substituídos bastante desgastados do jogo contra o Sampaio Corrêa e caso consigam reunir condições de jogo, desfalcam o Náutico.

"Nós temos problemas com os três jogadores que foram substituídos por causa do desgaste do jogo, além do Tarcísio que teve um desconforto, então vamos ter uma resposta no trabalho de campo de hoje. Caso tenham condições, a equipe será a mesma. Eu estou preocupado, porque o jogo contra o Sampaio foi pesado e realmente eles saíram desgastados", comentou Dal Pozzo.

POSSÍVEIS SUBSTITUTOS

Caso o trio não tenham condições de jogo, Gilmar Dal Pozzo já adiantou os substitutos. "Se caso o Danilo (Pires) não tiver condições é o Jhonnatan, vinha atuando, fez um jogo-treino, suportou bem e deu uma resposta positiva fisicamente, então seria uma substituição normal. No caso do Neto, a substituição seria o Matheus (Carvalho), já tinha atuando por aquele lado. Caso Wallace (Pernambucano) não possa atuar, o Tharcysio joga, até porque o Rafael Oliveira não está em condições", revelou.

PROVÁVEL ESCALAÇÃO

Dessa maneira, ainda com dúvidas na escalação, Dal Pozzo deve armar o Náutico com: Jefferson; Hereda, Camutanga, Fernando Lombardi e Wilian Simões; Josa, Luiz Henrique e Danilo Pires (Jhonnatan); Thiago, Neto (Matheus Carvalho) e Wallace Pernambucano (Tharcysio).

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias