CONVERSAS

'Sport tem interesse e vamos continuar negociando com Diego Souza', diz dirigente

Nelo Campos admite conversas para repatriar o ídolo rubro-negro

JC Online
JC Online
Publicado em 22/02/2019 às 18:14
Foto: JC Imagem
Nelo Campos admite conversas para repatriar o ídolo rubro-negro - FOTO: Foto: JC Imagem
Leitura:

A negociação entre Sport, Diego Souza e São Paulo está encaminhada. Quem garante é o diretor de futebol rubro-negro Nelo Campos. De acordo com o dirigente leonino, depois de um contato inicial feito por parte do meia-atacante, a direção caiu em campo para tentar viabilizar o retorno do embaixador de 87.

"Ele que nos procurou primeiro. O Sport tem interesse e vamos continuar negociando. As conversas estão em andamento e esperamos fechar o mais rápido possível", disse Nelo Campos. "Ouvimos um zum, zum zum... E quando houve esse contato, o interesse foi mútuo", contou.

De acordo com o dirigente rubro-negro, o clube não vai fazer loucuras para trazer Diego Souza. "Estamos viabilizando a parte financeira, mas deixamos claro ao nosso torcedor que não vamos sair da realidade financeira do Sport. Se ele vier, será dentro do patamar da folha salarial elenco", falou Nelo. "Seria um acordo com o São Paulo. Eles pagando uma parte e a gente outra parte dentro da nossa realidade".

A reportagem do Jornal do Commercio entrou em contato com o presidente do Sport, Milton Bivar, que afirmou que o clube não tem condições de trazer DS87. "Infelizmente não temos condições financeiras de contratar Diego Souza. O Sport não pode arcar com um jogador com um salário elevado", frisou.

Diego Souza tem contrato com o São Paulo até o final desta temporada, mas está em baixa no clube paulista após a eliminação do time na Libertadores da América, para o modesto Talleres-ARG, e está disposto a deixar o clube e retornar para o Sport. O salário do meia-atacante no Tricolor do Morumbi gira em torno de R$ 450 mil (+ R$ 150 mil de luvas, estipuladas em contrato).

Para retornar ao Leão e vestir novamente a camisa 87, DS estaria disposto a abrir mão de parte do salário do São Paulo. A ideia seria o Sport pagar R$ 100 mil (teto salarial do clube), com o São Paulo arcando com a maior parte do salário do jogador.

MARKETING

A ideia, caso o DS87 retorne à Ilha do Retiro, é de fazer uma campanha de marketing em cima do nome do ídolo rubro-negro. "Se Diego fechar, claro que vamos fazer um trabalho de marketing focado nele. Não tenha dúvida. Mas não tem nada em contrato de patrocinador para trazer o jogador", adiantou Campos.

Últimas notícias