Surto

União Europeia vai doar 140 milhões de euros para tratar ebola

Deste pacote de ajuda, 97,5 milhões de euros vão direto para os orçamentos desses países a fim de ajudá-los a custear serviços públicos e fortalecer suas economias

Carolina Sá Leitão
Carolina Sá Leitão
Publicado em 05/09/2014 às 18:35
Foto: AFP
Deste pacote de ajuda, 97,5 milhões de euros vão direto para os orçamentos desses países a fim de ajudá-los a custear serviços públicos e fortalecer suas economias - Foto: AFP
Leitura:

A União Europeia disse nesta sexta-feira (5) que vai doar 140 milhões de euros (US$ 181 milhões) para apoiar os quatro países da África Ocidental mais atingidos pelo surto de ebola.

Deste pacote de ajuda, 97,5 milhões de euros vão direto para os orçamentos desses países a fim de ajudá-los a custear serviços públicos e fortalecer suas economias, que já estão sentindo os danos vindos da epidemia.

Outros 38 milhões de euros vão reforçar serviços de saúde na Guiné, Serra Leoa, Libéria e Nigéria, informou a União Europeia em um comunicado. A ação também vai aumentar a quantidade de suprimentos de água e materiais de higiene a serem enviados.

Serão destinados 5 milhões de euros para equipar laboratórios móveis e financiar o treinamento de profissionais de saúde nesses países.

"A situação está indo de mal a pior, mesmo com bravos esforços de organizações humanitárias e com assistência substancial fornecida anteriormente pela comunidade internacional, incluindo a União Europeia", disse Kristalina Georgieva, comissária europeia responsável pela Ajuda Humanitária e Resposta a Situações de Crise, no comunicado.

"Estamos ajudando a fazer a diferença na área, mas as necessidades estão ultrapassando a capacidade da comunidade internacional reagir", acrescentou Kristalina.

O compromisso da União Europeia vem no mesmo momento em que a Agência Internacional para o Desenvolvimento, ligada ao governo americano, doou cerca de US$ 100 milhões para ajudar países atingidos pelo Ebola. Fonte: Dow Jones Newswires.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias