ONU

Atual chanceler representará Venezuela no Conselho de Segurança

O anúncio foi feito às vésperas do ingresso da Venezuela no Conselho de Segurança da ONU, representando a América Latina

Da AFP
Da AFP
Publicado em 26/12/2014 às 23:13
Foto: JUAN MABROMATA / AFP
O anúncio foi feito às vésperas do ingresso da Venezuela no Conselho de Segurança da ONU, representando a América Latina - FOTO: Foto: JUAN MABROMATA / AFP
Leitura:

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, informou nesta sexta-feira que o atual ministro das Relações Exteriores, Rafael Ramírez, deixa a pasta para ser o novo embaixador do país na ONU.

O anúncio foi feito às vésperas do ingresso da Venezuela no Conselho de Segurança da ONU, representando a América Latina.

No lugar de Ramírez, assume a ex-ministra da Comunicação Delcy Rodríguez.

"Designei o companheiro Rafael Ramírez para que assuma diretamente como embaixador da nossa pátria em Nova York na ONU", declarou o presidente Maduro em sua conta oficial no Twitter.

O presidente explicou que essas mudanças respondem à incorporação da Venezuela ao Conselho de Segurança, como membro não permanente pela América Latina, a partir de 1º de janeiro - posto no qual Ramírez terá, segundo Maduro, "a maior responsabilidade para defender a paz mundial".

Ramírez, um engenheiro de 51 anos, teve uma passagem fugaz pela Chancelaria venezuelana. Foi nomeado para o cargo em 3 de setembro passado, após ser afastado do Ministério do Petróleo, o qual liderava desde 2002, e da presidência da estatal Petróleos de Venezuela (PDVSA), que ocupava desde 2004.

Delcy Rodríguez, uma advogada de 44 anos, foi ministra da Comunicação e da Informação da Venezuela de agosto a outubro deste ano. Ela é a terceira chanceler nomeada por Maduro em seu governo, depois de Ramírez e Elías Jaua. Este último é o atual ministro para as Comunas.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias